Sindicato divulga nota pública e lamenta possível escolha para Antares

O governador Wilson Martins ainda não bateu o martelo, mas o Sindicato dos Jornalistas do Piauí (Sindjor) já reagiu. Em nota oficial divulgada na tarde desta terça-feira (11), a entidade se posiciona contrária à indicação do advogado Luciano Paes Landim para o comando da Fundação Rádio e TV Antares.

Para o sindicato, a indicação de Paes Landim é uma “inversão de valores”, considerada “estranha”, “lamentável” e “inaceitável”. Na nota enviada pelo presidente Luiz Carlos de Oliveira, o Sindjor pede que o governador reflita sobre a questão.

Quem sugeriu o nome do advogado para o comando da Antares foi o deputado estadual Paulo Martins (PT).

Confira a nota na íntegra:

“A Diretoria do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Piauí estranha e lamenta profundamente o anúncio da indicação de um Advogado para a direção da Fundação Rádio e TV Antares, o que caracteriza uma inversão de valor inaceitável.

Com tantos profissionais de Comunicação Social ligados aos partidos que estão no Poder, a escolha de um Advogado soa como um desapreço à categoria, que já viu ser nomeado para a Coordenadoria de Comunicação do Governo do Piauí, na administração anterior, um Professor de Literatura.

Esperamos que o Governador Wilson Martins reflita sobre essa questão e coloque na Direção da Fundação Antares um técnico da área de Comunicação, que possa dar continuidade ao trabalho de fortalecimento da TV e Rádio Antares, importantes veículos de comunicação à serviço da comunidade piauiense.

Teresina, 11 de janeiro de 2011

A Diretoria

Por Romulo Maia (Portalaz)

Deixe uma resposta