Articulação da Bancada do NE manuteve de Nélson de Souza no BNB

O economista Nélson Antonio de Souza deverá continuar no comando do Banco do Nordeste(BNB) neste segundo governo da Presidenta Dilma Rousseff. 
O coordenador da Bancada do Nordeste, deputado Júlio César(PSD-PI), encaminhou a Vice Presidência da República, um pedido pela manutenção do atual presidente do banco. Júlio César informou, agora pouco, à Política Real que a chefia de Gabinete da Vice Presidência da República recebeu o documento com as assinaturas de um grande números de lideranças políticas do Nordeste pedindo a manutenção de Nélson de Souza. 
Júlio César informou que os governadores do Maranhão, Flávio Dino(PC do B), Piauí, Wellington Dias(PT), do Ceará, Camilo Santana(PT-CE), do Rio Grande do Norte, Robinson Faria(PSD), da Paraíba, Ricardo Coutinho(PSB) e Rui Costa(PT), da Bahia, apoiaram a manutenção do piauiense no comando do BNB. Só não apoiaram o pleito articulado pelo coordenador da Bancada do Nordeste, deputado Júlio César, os governadores de Alagoas, Renan Filho(PMDB), do Sergipe, Jackson Barreto(PMDB) e de Pernambuco, Paulo Câmara(PSB).
O líder do PMDB no Senado, o senador Eunício Oliveira(PMDB-CE), articulava para emplacar o economista Marcos Holanda, cearense que era bem visto por parte da equipe econômica do segundo mandato da Presidente Dilma. Nélson de Souza também tem bom trânsito com parte da equipe econômica. O ministro Nélson Barbosa, do Planejamento, foi um dos que indicaram Nélson de Sousa, então diretor de Administração da Caixa Econômica Federal(CEF), para compor o board do Banco do Nordeste depois da crise política que derrubou o comando do BNB em junho de 2012.
Nélson de Souza chegou ao BNB como diretor de Administração e Tecnologia de Informação. Em agosto de 2012, a Presidenta Dilma Rousseff surpreendeu e anunciou o economista catarinese Ary Joel Lazarin, funcionário de carreira do Banco do Brasil(BB), para comandar o BNB. Nélson de Souza chegou ao maior banco de desenvolvimento do Nordeste junto com Lazarin. Em 4 de abril de 2014, Ary Joel Lazarin renunciou ao comando do BNB. Nélson de Souza assumiu o comando do BNB, desde então, de forma definitiva.
(Com informações do Portalaz}
Edição:Bernardo Silva

Deixe uma resposta