PT arma o bote para tomar mandato de Marta

A nota do PT em resposta à saída de Marta Suplicy foi redigida para preparar terreno para reivindicar na Justiça o mandato da senadora.
Por isso a sigla diz que nunca cerceou suas atividades, o que seria uma causa legítima para a desfiliação.
O PSB já mobilizou seu corpo jurídico em busca de jurisprudência favorável à manutenção do mandato de Marta.
O partido prepara uma festa grande, com “pompa e circunstância”, para a filiação da ex-petista  (Folha de S.Paulo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *