AINDA SOBRE A LAGOA DO PORTINHO

Seca 1
Não haverá água na lagoa do Portinho quando chegarem os meses mais quentes do ano. Isso porque a água da chuva e do rio Portinho são insuficientes para manter o espelho d’água de 500 hectares.
Seca 2
Segundo um parecer de professor da Universidade Federal, Valdecir Galvão, duas barragens construídas no rio Marruás, principal afluente do rio Portinho, que abastece a lagoa são a principal causa do problema. Mesmo com as chuvas, a lagoa não recuperou todo o espelho d’água. A tendência é que seque.
Seca 3
Valdecir Galvão propõe que as duas barragens sejam imediatamente demolidas garantir que a lagoa tenha mais água. Ele acredita que em novembro deste ano a pouca água que chegou à lagoa tenha secado novamente.
Outra solução
Irrigantes do projeto Tabuleiros Litorâneos propõem que seja usado um canal natural para lançar água do rio Parnaíba na lagoa. O governo do Estado teria que pagar a energia das motobombas que eles usam no local. Mas a proposta está sob estudo de impacto ambiental,(Portalaz)

Deixe uma resposta