DE CAIXA RECHEADO, PT RENEGA DOAÇÕES PRIVADAS

   PRESIDENTE DO PT, RUI FALCÃO, E O EX-PRESIDENTE DE HONRA, LULA.
Partido do governo no maior escândalo de ladroagem de todos os tempos, desmantelado pela Operação Lava Jato, o PT tenta se livrar da pecha de agrupamento de ladrões pregando o fim do financiamento empresarial de campanhas. Mas a nova bandeira somente foi adotada pelo PT após amealhar, em 2014, mais de R$ 300 milhões em doações de empresas. Doações de pessoas físicas representam apenas 0,2%.
De todo o dinheiro arrecadado pelo PT em 2014 para a campanha de Dilma, 94,2% foram doações de empresas interessadas na reeleição.
A pregação do fim do financiamento privado somente foi deflagrado no PT após o Congresso triplicar o valor do “fundo partidário”.
Pela nova lei aprovada no Congresso, os partidos vão bater a carteira dos contribuintes brasileiros em mais de R$ 868 milhões por ano.
O PT deve receber 16,05% ou R$ 140 milhões só em 2015 da bolada do “fundo partidário” abastecido com dinheiro dos contribuintes. (Cláudio Humberto)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *