Vereador questiona falta de medicamentos para doentes especiais na farmácia da Prefeitura

                                       Vereador Carlson Pessoa
A Câmara Municipal aprovou na noite de ontem
requerimento de autoria do vereador Carlson Pessoa pedindo que a Prefeitura dê
explicações àquela Casa dos motivos da falta de medicamentos na farmácia
municipal para doenças crônicas.
“Há mais de 3 meses faltam esses remédios para
tratamento de pessoas especiais. Mães nos procuram desesperadas pela falta de
medicamentos para câncer, diabetes e outras doenças cujos remédios são caros.
Dizem que não está tendo remédio é por falta de pagamento, problemas de
licitação, mas que nos seja dada uma explicação correta”, disse Pessoa.
O vereador Ronaldo Prado, em aparte, disse que
também recebeu reclamações de casos de crianças que precisam de insulina
diariamente e não está tendo. “O remédio é caro, quase 500 reais por mês e não
tem. Vou saber na prefeitura o que está havendo”, frisou.

Secretária Maria do Amparo
O presidente da Câmara, vereador Gustavo Lima, disse
aos presentes que nesta quinta feira vai ter uma audiência com a secretária de
saúde, Maria do Amparo, quando pedirá as explicações para repassar aos demais
vereadores.
Carlson Pessoa fez críticas ainda à equipe da
Secretaria de Saúde que sexta feira última apresentou mais uma prestação de
contas quadrimestral, sendo a 6ª vez que a secretária Maria do Amparo e sua
equipe compareceram ao Legislativo. Para ele os números apresentados são
maquiados. “A prestação de contas é a cara da mentira. O que disseram não
existe”, destacou, referindo-se às dificuldades encontradas por quem precisa de
atendimentos em postos de saúde do município e até no pronto socorro.
Os vereadores da base do governo, Neta Castelo
Branco e Antônio Cardoso fizeram a defesa da secretária e de sua equipe,
dizendo que a equipe funciona e que a saúde é levada a sério no município,
considerando os números e os relatórios apresentados a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *