ATENÇÃO DIREÇÃO DO HEDA – Tenham piedade da pobre trabalhadora

   Imagem ilustrativa 
Uma diarista residente na comunidade São José na Ilha Grande de Santa Isabel agoniza a mais de 10 (dez) dias nas enfermarias do HEDA de Parnaíba. Mãe de filhos pequenos, e sem parentes as crianças estão passando necessidades e sendo acolhidas pela caridade da vizinhança. A diarista Maria Silva dos Santos, aguarda com dores e sofrimento a decisão da DIREÇÃO DO HEDA para operar o tornozelo quebrado. (Blog do Pessoa)

SOFRIMENTO E DOR: Caos no HEDA de Parnaíba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *