Campeão nordestino, Thiago Bittencourt sonha em integrar seleção brasileira e disputar uma olimpíada

Gravem bem este nome: Thiago Tharson Bittencourt. Ele é um dos maiores expoentes do ciclismo piauiense e promessa de despontar mais ainda entre os maiores campeonatos nacionais e até internacionais. Sua modalidade: o ciclismo. Sua gana: chegar em primeiro. Sua meta: ser um ciclista de destaque. E ele tem sido desde que começou a disputar competições estaduais, com apenas 14 anos. Agora, aos 17, o parnaibano (Equipe Evo Pro Team) tem tudo para conquistar o mundo. Talento, força de vontade, apoio da família e da Federação de Ciclismo do Piauí – FCP ele tem. E títulos também. Com apenas três anos no esporte, Thiago, um jovem centrado e cheio de planos, é, nada mais, nada menos, que bicampeão piauiense (Estrada) 2013 e 2014, vice-campeão Nordeste e Norte-Nordeste 2013 e 2014; campeão Nordeste 2015 (Prova de Resistência), evento oficial da Confederação Brasileira de Ciclismo, realizada no mês passado em Salvador, Bahia, no qual também conquistou medalha de prata na prova Contra Relógio e prata na prova de Circuito e também 4º colocado nos Jogos Escolares Brasileiros 2015. Além das próximas etapas do calendário piauiense, Thiago irá participar de outra disputa fora do Estado, o GP Bahia de Ciclismo, valendo ranking nacional, no próximo dia 20 de junho, em Salvador.

Quanto a ser o melhor ciclista nordestino na prova de Resistência, na qual os atletas executam exaustivas voltas em um circuito técnico, Thiago garante que foi difícil a conquista. “Pelo alto nível dos atletas de outros estados, mas devido ao meu treinamento intenso e um pouco de experiência consegui me destacar do pelotão, vencendo a prova com cinco minutos de vantagem”, disse, com orgulho de si mesmo.

Sobre a escolha da modalidade, o speed, o parnaibano explica que se deve ao seu porte físico e por ser o estilo no qual consegue melhor desempenho e também porque se sente muito bem quando pega sua bike e pedala no asfalto. Com a certeza de que escolheu bem a sua maior paixão, ele diz que seu maior sonho é disputar uma olimpíada: “Um dos meus sonhos é fazer parte da seleção brasileira e a partir daí direcionar meu foco para provas internacionais”. Thiago já tem em mente participar de sua primeira competição internacional: a Volta Internacional da Juventude, no Uruguai, em fevereiro de 2016.

Com tantos planos, medalhas e troféus, Thiago lidera o ranking do Campeonato Piauiense de Ciclismo na categoria Júnior e tudo caminha para a conquista do tricampeonato estadual consecutivo. Ele atribui tantas vitórias ao apoio que tem da família, principalmente do pai, que o acompanha nas provas e tenta custear parte das viagens e equipamentos, que ele lembra, são bastante caros. “A minha namorada também me incentiva desde o início. Dos meus amigos, em especial, Fernando Gomes, que me ajuda com algumas despesas e tenho o apoio dos meus treinadores Carmem Castro e Alberto Chaves (ambos ciclistas e treinadores físicos), da Federação de Ciclismo, sempre com o incentivo do presidente George Rodrigues e, para minha sorte, recentemente recebi o convite do Bruno Viana, responsável pela Equipe Evo Pro Team, da marca Cannondale, que vem me ajudando muito”, agradece a fera.

“Sempre observei o Thiago e vi o potencial que ele tem para ser um grande nome do ciclismo, não apenas estadual, não apenas nacional. Não me admira ele fazer parte de equipes internacionais em um futuro próximo, por isso ele merece o meu incentivo e também da Federação. Literalmente, ele vai longe”, disse o presidente da FCP, George Rodrigues.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *