BR 343: FOTOSENSORES POR TODO LUGAR

O asfalto novo na BR-343 é um convite para a alta velocidade. Mas não passa disso. O excesso de velocidade de trânsito pode  ser identificado eletronicamente daqui de Teresina até Luis Correia. 
São dezenas de fotossensores para fiscalização instalados durante todo o percurso de pouco mais de 300 km. Além de identificar eletronicamente as infrações, a instalação dos equipamentos também ajuda na fiscalização de outras irregularidades.
A grande quantidade de equipamentos instalados para flagrar motoristas que ultrapassarem 60 quilômetros por hora vem chamando a atenção de quem passa pela rodovia. Essa foi uma maneira encontrada para garantir a segurança na estrada. 
Para quem mora à beira do asfalto, a rodovia é um obstáculo para ir ao comércio ou à escola. Para essas pessoas, os motoristas que não respeitam o limite de velocidade representam uma ameaça. Por isso, todos apoiam e defendem os fotossenssores, menos os motoristas infratores, é claro!(Eli Lopes/Élida de Sá)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *