CPI para investigar 24 anos de gestão na Agespisa

                                       João de Deus
Os deputados Evaldo Gomes (PTC) e Robert Rios (PDT) querem a instalação de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar a situação da Agespisa.
A abrangência da CPI: 1991 até 2015, são 24 anos de gestão, desde o último choque de contas, no Governo Freitas Neto.
A liderança do Governo, deputado João de Deus (PT), defende que ao invés de uma CPI o TCE faça uma auditoria na empresa.(Elizabeth Sá)

Deixe uma resposta