PPS de Parnaíba poderá não mais se coligar com PT nas eleições do próximo ano

                                 Vereadora Neta Castelo Branco
A coligação PPS/PT, que em 2012 elegeu os vereadores Neta Castelo Branco, que preside o PPS municipal e Antônio Cardoso (PT) não deve mais se repetir no ano que vem em função de uma série de fatores, inclusive por conta de resquícios das eleições do ano passado, em que a vereadora Neta (PP) não apoio em Parnaíba o candidato a deputado federal apoiado pelos petistas locais, preferindo dar apoio ao então candidato Heráclito Fortes(PSB).
“Votei no Heráclito porque ele é meu amigo e não escondi de ninguém. Disse isso em reunião até para o próprio governador Wellington Dias”, declarou Neta. Ela falou ainda que a coligação PPS/PT em 2012 aconteceu porque os petistas não acreditavam na votação dela e imaginavam que ela serviria de “escada” para eleger alguém do PT. “Mas aconteceu o contrário porque obtivemos quase 1.700 votos enquanto que o vereador Cardoso teve pouco mais de 1.000 votos”, frisou.
Apesar de declarar apoio irrestrito à administração do prefeito Florentino Neto (PT) a vereadora Neta disse que o possível afastamento do PPS/PT não impede que ele continue sendo da bancada do prefeito na Câmara. “Estamos conversando com alguns vereadores amigos de outros partidos, que também apoiam o governo municipal, para ver com quem vamos nos coligar no ano que vem, mas com o PT não vemos chance”, enfatizou.
Neta disse ainda que continua tendo todo o apoio do PPS regional e prossegue organizando e fortalecendo seu partido. “Não tivemos nenhum problema com as poucas pessoas que saíram do partido de forma espontânea. Contabilizando os que nos deixaram e os que filiamos nos últimos meses, o partido saiu ganhando e vamos para a eleição do ano que vem com o desejo de ajudar a cidade, oferecendo boas opções de candidaturas”, pontuou.

Deixe uma resposta