Partidos promovem eventos e dão largada em pré-campanha

ex-governador Zé Filho e deputado federal Roberto Freire: filiações e preparação para as eleições de outubro próximo
O presidente nacional do PPS, deputado federal Roberto Freire, desembargador ontem à tarde em Teresina para a filiação do ex-governador Zé Filho (ex-PMDB), que vai presidir a executiva estadual do partido. O evento será hoje, às 11 horas, no plenarinho da Assembleia Legislativa do Piauí. Às 10 horas, o PTB em-possa o senador e ex-prefeito Elmano Férrer na presidência do diretório regional do partido. Os dois atos marcam as articulações dos partidos para as eleições municipais de outubro.
O PPS, que também filia hoje o ex-governador Mão Santa, em Parnaíba, neste final de semana, tem seis prefeitos, seis vice-prefeitos e 60 vereadores no Estado. A meta para 2016 é dobrar os números e fazer doze prefeitos, dez vice-prefeitos e mais de cem vereadores. O partido quer ainda estar presente em mais de 120 municípios do Estado. Segundo Roberto Freire, o PPS já está organizado, mas com a filiação de Zé Filho e Mão Santa terá mais perspectivas para se desenvolver na política do Piauí. 
“O PPS no Piauí terá capacidade para definir rumos e caminhos para as eleições de 2016 nas cidades, e depois para o Estado”, comentou. O ex-governador Zé Filho disse que chegou para somar e exaltou o trabalho de Celso Henrique, que conduziu o partido nos últimos anos, mas pretende realizar um trabalho articulado em todos os municípios para revitalizar e fortalecer o PPS. “Vamos atrás de novas lideranças e fazer novas filiações para quem deseja mudar a mesmice que aí está. Eu não poderia ficar num partido que dá apoio a esse governo”, justificou Zé Filho, se referindo ao PMDB, principal aliado em nível nacional do Governo Dilma.
“O PPS é um partido diferente, coerente e decente. Basta ver a  ficha do nosso presidente Robert Freire. Não tem nada contra ele. E ele lidera esse processo para a abertura dos olhos das pessoas que desejam mudanças”, completou o ex-governador. Zé Filho disse que é normal colocarem seu nome como candidato, mas não pretende disputar nenhuma prefeitura agora. O nome dele e de sua esposa, deputada Juliana Moraes Souza, foram colocados como prováveis candidatos a prefeito em Parnaíba. 
“Eu não tenho intenção de ser candidato agora. Mas é normal as pessoas colocarem o nosso nome, porque estamos na política”, comentou. O ex-presidente da executiva estadual, Celso Henrique, assume a direção da executiva municipal em Teresina. Ele disse que conseguiu dar mais visibilidade ao partido no Estado e que vai crescer ainda mais com a direção de Zé Filho.(Diário do Povo)

Deixe uma resposta