Piauí espera recurso de empréstimo há mais de um ano

wellington e Zé Filho
O Governo do Estado está otimista com a aprovação no Senado da operação de crédito que deve render R$ R$ 370 milhões do programa Pró-Desenvolvimento II, do Banco do Brasil. A expectativa é de que até abril o dinheiro chegue de fato ao Piauí. Exatamente um ano e quatro meses depois da eleição.
Para quem não se lembra, esse dinheiro foi motivo de grande discórdia na eleição de 2014. O empréstimo, que estava engatilhado já na gestão do ex-governador Wilson Martins, antes mesmo de ele entregar o governo a Zé Filho, não chegou. Imediatamente se levantou a questão de que forças políticas estavam travando o recursos exatamente para que as obras não fossem tocadas e assim se inviabilizasse a reeleição de Zé Filho e a eleição de Wilson ao Senado.
Agora, com toda essa demora, das duas uma: ou o ex-governador Zé Filho está convencido de que não houve ingerência política ou o feitiço virou contra o feiticeiro.(Elizabeth Sá)

Deixe uma resposta