Tererê diaz que a vez é dele e mantém candidatura a prefeito de Parnaíba

“Em momento algum disse que seria candidato a vereador (como a imprensa divulgou) apoiando a candidatura da deputada Juliana como prefeita. Estive na reunião que definiu o André Neves como candidato a vice-prefeito porque é um direito meu conversar, ouvir, mas não me manifestei. Resisti aos convites e minha decisão é esta: vou discutir os problemas da Parnaíba como candidato a prefeito”, disse o ex-deputado Tererê em entrevista exclusiva ao Jornal “Tribuna do Litoral”.
Segundo ele, o povo de Parnaíba o quer como candidato a prefeito. “Tenho um legado de candidato a prefeito e vou para a disputa pela terceira vez.”, destacou. Tererê disse ainda que não conhecia direito como se trabalha a política. “Então passei a conversar com todo mundo, ouvir. Agora sei quem é amigo e quem é adversário; quem se aproxima para nos usar. Vou me candidatar a prefeito com o pé no chão e ouvindo as pessoas”, frisou o ex-deputado.
Tererê falou ainda que durante a campanha como candidato vai focar seu plano de ação na realização de um profundo reajuste administrativo, com a redução de secretarias, “desburocratizando a administração a fim de atrair novos investimentos, parando com as inúmeras exigências que não feitas para a entrada de novos investidores na cidade. Vou também trabalhar a necessidade de descentralizar a saúde, porque entendo que é necessário deixar de humilhar as pessoas de madrugada em filas para marcar consultas”, pontuou o pré-candidato.

O Partido do ex-deputado Tererê já solicitou o plenário da Câmara Municipal para a realização de sua convenção no próximo dia 31, quando serão homologados os nomes dos candidatos a prefeito e vice, além de vereadores.(Por:Bernardo Silva)
Fonte: Jornal “Tribuna do Litoral”

Deixe uma resposta