Concurso da PM: Fraude põe futuro do Nucepe em xeque


Por:Zózimo Tavares
Prego batido e ponta virada, como diz o jornalista Elivaldo Barbosa: a Universidade Federal Rural de Pernambuco vai elaborar as novas provas do Concurso da Polícia Militar do Piauí. As provas serão reaplicadas no dia 9 de julho, conforme anúncio do Núcleo de Concursos e Promoções de Eventos (Nucepe), da Universidade Estadual do Piauí.
O concurso público para seleção de soldados da Polícia Militar foi realizado no último dia 21.  A Secretaria de Segurança e o Nucepe confirmaram na manhã seguinte a anulação da primeira etapa do certame, por indicio de fraude.
O concurso teve 32 mil inscritos, concorrendo a 480 vagas ofertadas. Mesmo com forte esquema de segurança, os fraudadores atacaram e foi constatado o vazamento da prova de português.
Houve denúncias de fraude também contra outros três concursos realizados pela Uespi, todos na área de segurança.
Enquanto muita gente aplaude a solução encontrada pelo governo para realizar com maior segurança o concurso da PM, contratando uma universidade de outro estado, eu digo: bonito pra nossa cara!
Chega a ser vexatório termos uma universidade incapaz de fazer um concurso à prova de fraude. Depois dessa, quem ainda vai confiar em concurso executado pela Uespi?

Deixe uma resposta