INADIMPLÊNCIA PÕE EMPRÉSTIMO EM PERIGO

APESAR DE TER ENTRADO NA JUSTIÇA PARA PEGAR MAIS 315 MILHÕS NA CAIXA, GOVERNO AINDA NÃO PRESTOU CONTAS DE OUTROS 308 MILHÕES E PODE FICAR SEM OS RECURSOS

Sem prestar contas de empréstimo anterior, o governo de Wellington Dias (PT) pode ficar sem o último empréstimo de R$ 315 milhões solicitado junto à Caixa (foto: Marcos Melo / PoliticaDinamica.com)

Apenas um aspecto deste terceiro mandato de Wellington Dias (PT) será mais lembrado que a quantidade de empréstimos que ele tem feito: a ação continuada de não pagar nem prestar contas. Em dezembro de 2017, o governador ordenou que a Procuradoria-Geral do Estado ingressasse na Justiça para liberar um empréstimo de R$ 315 milhões junto a Caixa Econômica Federal. Mas em julho do mesmo ano, um outro empréstimo, de R$ 600 já havia sido tomado. A primeira parcela desses recursos — R$ 308 milhões — foram recebidos em agosto, mas até o momento, nada de prestação de contas. Essa inadimplência pode impedir o recebimento do novo empréstimo.
Welligton Dias já esta fazendo contas novas com esse dinheiro que nem chegou ainda. Alega que o faz confiando na “boa fé”. Porém, o discurso oficial divulgado pelo Governo do Estado é o de que haveria perseguição política no meio da questão. Por ser de um partido adversário do presidente da República, o petista Wellington Dias estaria sendo “punido” com a demora na liberação dos recursos. Mas não é bem assim. Na última semana o Política Dinâmica divulgou um vídeo exclusivo em que o superintendente da Caixa Econômica Federal no Piauí alerta Wellington sobre a inadimplência da gestão do PT junto ao banco. Elizomar Guimarães comunicou a W.Dias que duas parcelas dos empréstimos consignados estavam atrasadas, e poderiam travar o empréstimo, afinal, bancos não costumam emprestar mais dinheiro a quem ja lhes deve outros empréstimos.
Em quem Wellington Dias irá jogar a culpa se a Caixa travar o empréstimo por inadimplência de operação de crédito anterior? (foto: Jailson Soares / PoliticaDinamica.com)Em quem Wellington Dias irá jogar a culpa se a Caixa travar o empréstimo por inadimplência de operação de crédito anterior? (foto: Jailson Soares / PoliticaDinamica.com)
W.Dias ordenou o pagamento e a Caixa voltou a operar os consignados na última sexta (12). Porém, no próximo dia 6 de fevereiro o Estado do Piauí vai ter que apresentar a prestação de contas daquela primeira parcela dos R$ 600 milhões. Ainda no ano passado, deputados estaduais tiveram acesso a lista de obras que Wellington Dias enviou à Caixa para justificar ter gasto os R$ 308 milhões em menos de 50 dias. São obras que não existem em boa parte do que está listado. O Política Dinâmica foi, inclusive, ao extremo sul do Piauí para conferir algumas delas e confirmou junto a moradores da região as denúncias dos parlamentares.
Caso não preste contas do que gastou, o empréstimo de R$ 315 milhões vai ser bloqueado. Sem perseguição. Só por obrigação de ser correto com os recursos públicos.(Marcos Melo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *