PF atrás de quem xingou Gilmar e autor de “tomataço”

O ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), enviará representação à Polícia Federal para que ela investigue quem o xingou em um voo no sábado (27).

O ministro foi chamado, entre outras coisas, de “cagão” e “bosta”.
Gilmar Mendes pediu abertura de inquérito também para que a PF investigue um homem que lidera o grupoTomataço e que ofereceu R$ 300 para quem acertasse um tomate no magistrado.(Mônica Bergamo – Folha de S.Paulo) 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *