Encontro de governadores no Piauí: “Pirotecnia no Coco Bambu”

EDIÇÃO:BERNARDO SILVA

O show pirotécnico
organizado pelo governador Wellington Dias, do PT, no Coco Bambu, um dos mais
conceituados restaurantes do Piauí, foi alvo de críticas dos deputados na
Assembleia Legislativa. Robert Rios (PDT) lembrou que o encontro serviu apenas
para tentar esconder a real situação da segurança no Estado.O deputado Luciano
Nunes (PSDB) afirmou que, além de equipamentos, falta pessoal para melhorar a
atuação das polícias civil e militar. Segundo ele, são necessários 3.700
homens, de acordo com a lei, mas hoje o contingente é de apenas  1.600.
Marden Menezes
(PSDB) e Dr. Pessoa )PSD) criticaram a situação de caos e terror em que está
sumersa a população do interior do Estado. Enquanto isso, o governo faz
pirotecnia em um dos locais de eventos mais caros do Piauí.
Em tempo: A
oposição  na Assembleia quer saber quem
vai pagar a conta do aluguel do Coco Bambu, que sediou ontem o encontro de
governadores do Nordeste. O deputado Robert Rios questionou como o governo não
tem condições de dar aumento aos professores, mas pode alugar o espaço de
festas mais caro do Estado. (Manoel José-DP)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *