Polícia Civil tem um terço do efetivo necessário no Piauí, dizem deputados

”A Lei de 2014, é
que prevê o contingente do efetivo da Polícia Civil em torno de 3.700 homens
para a segurança pública, e pasmem, temos apenas 1.600 policiais na ativa  na Polícia Civil. Menos da metade , quase um
terço do que precisamos. Então, como é que o governador pode falar em segurança
pública tratando essa política pública com tanto descaso. Faltam homens, falta
estrutura nas delegacias, faltam viaturas, falta combustível, falta,
sobretudo, vontade política para fazer uma gestão bem feita voltada para os
piauienses”, disse o deputado Luciano Nunes (PSDB), que é vice-presidente da
Assembleia Legislativa.
O deputado Robert
Rios, líder do bloco PDT/PSDB, disse que a população vive apavorada com o
elevado índice de  criminalidade e
registrou que policiais civis e militares realizaram protesto pedindo melhores
condições de trabalho ontem, durante a reunião dos governadores do Nordeste,
que ocorreu em Teresina.
Roberto
criticou  o governador Wellington Dias
por realizar a reunião para debater a segurança pública no Espaço Coco Bambu,
um dos locais mais caros do Piauí, enquanto os salários dos terceirizados estão
atrasados e ele alega falta de recursos para não dar aumento aos professores
que se encontram em greve.(Luciano Coelho)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *