Deputados voltam de Brasília sem prazo para liberação de empréstimo da Caixa

Presidente da Cef recebe representantes do Piauí

Como previsto, o presidente da Caixa Econômica federal, Nelson Antônio de Souza, recebeu ontem a comissão de deputados estaduais do Piauí, mais membros da bancada federal, com água fria, cafezinho quente e conversa. Nada de concreto os parlamentares conseguiram sobre a liberação do empréstimo de R$ 315 milhões.

Para não deixar os deputados retornarem de mãos abanando, o presidente da Caixa garantiu à comissão agilidade na análise da prestação de contas da primeira parcela do Finisa I, mas não precisou uma data para conclusão desse trabalho.

Ele prometeu cumprimento imediato cumprimento da decisão do ministro Edson Fachin tão logo seja exarada a decisão sobre o Finisa II. Ou seja, a Caixa disse que está nas mãos do Supremo a ordem para liberação do financiamento.

Quem foi

A audiência de ontem na Caixa, articulada pelo deputado Fábio Novo (PT), contou com a presença dos deputados estaduais Hélio Isaias (Progressistas), Liziê Coelho (MDB), Ruben Martins (PSB), Georgiano Neto (PSD) e Ziza Carvalho (PT), além do senador Ciro Nogueira (Progressistas), deputados federais Assis Carvalho (PT), Paes Landim (PTB), Iracema Portela (PP) e Júlio César (PSD).

O deputado Júlio César informou que a Caixa tenta viabilizar a liberação do empréstimo em parcelas. O repasse inicial seria de R$220 milhões. Ele confirmou que a liberação dos recursos depende do STF.

Já o senador Ciro Nogueira destacou que esses recursos são importantíssimos para o Piauí.

Resumo da ópera: de pouco ou quase nada adiantou a ida dos parlamentares ao gabinete do presidente da Caixa. A liberação dos recursos está, como sempre esteve, nas mãos do ministro Edson Fachin, do STF.

Por:Zózimo Tavares

Deixe uma resposta