Mais de 20 mil estudantes da UESPI estão sem aula por falta de professores, diz sindicato

Mais de 20 mil estudantes estão sendo prejudicados por falta de professores em quase 600 disciplinas na Universidade Estadual do Piauí (UESPI). A denúncia é feita pelo sindicato dos docentes da instituição, que aponta má vontade do governo piauiense para valorização da categoria. 

Em nota oficial, publicada ontem (22), o ADCESP – Sindicato dos Docentes da UESPI revela que o governo do Estado não está cumprindo uma decisão do Tribunal de Justiça (TJ-PI), expedida em 2019, que determina a nomeação de professores aprovados no último concurso público para o quadro efetivo da Universidade. 

“O Governo protela nossa nomeação, enquanto a UESPI está nesse sucateamento, principalmente com relação a necessidade do corpo docente”, diz a nota do ADCESP. 

Fonte:Carta Piauí (Feitosa Costa)

Deixe uma resposta