Para Bolsonaro, ataques contra Regina Duarte reforçam acerto na Cultura

Para Bolsonaro, ataques contra Regina Duarte reforçam acerto na CulturaApós reações (e até ameaças) presidente avalia que ‘foi feliz’ a escolha da atriz para a Cultura

A reação agressiva da oposição ao convite à atriz Regina Duarte deu ao presidente Jair Bolsonaro, segundo fontes do Palácio do Planalto, a certeza de que ele foi feliz na escolha da nova titular da Secretaria Especial de Cultura do seu governo. Regina foi atacada e até ameaçada, após o convite. A doce “namoradinha do Brasil” não se deixou impressionar, mas fez um apelo dramático aos apoiadores, nas redes sociais: “Fiquem comigo, vou precisar saber que estão comigo”. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Além de atacar a atriz, opositores têm alegado que ela “nada tem a ganhar” ou que o presidente pretende apenas usar sua imagem.

Pesa contra Regina Duarte a inexperiência, mas não será a primeira pessoa, representante da vida artística, invicta em gestão pública.

Críticos que duvidam da capacidade de Regina Duarte, inclusive na classe artística, mal disfarçam o caráter preconceituoso contra mulher.

Deixe uma resposta