Tem jeito não: Prefeito de Campo Maior, do PT, desviou dinheiro do Fundef

Depois do prefeito afastado de Bertolínia, Luciano Fonseca (PT), que foi preso e está usando tornozeleira acusado de chefiar uma quadrilha de desvio de recursos públicos, agora é a vez do prefeito Ribinha de Campo Maior (PT), ser investigado por ter usado valores do FUNDEF, recursos oriundos dos precatórios, para pagar empréstimos consignados dos servidores, que ele descontou dos contracheque mas não repassou para as instituições bancárias.

A confirmação foi feita pela própria Caixa Econômica Federal, em documento encaminhado ao Ministério Público. Esses recursos só poderiam serem gastos em ações de manutenção e desenvolvimento do ensino para educação básica pública e, mediante plano de ação estratégico elaborado pelo município. O MP agora vai acochar o Ribinha.(Silas Freire)

Deixe uma resposta