PT chega podre aos 40 anos de partido e com Lula deixando de ser ‘ídolo’

Por:Silas Freire

Edição:B. Silva

Não era o que a cúpula do PT imaginava para o aniversário do partido, que está completando seus 40 anos. A sigla fica madura, mas chega na flor da idade podre, com seu maior líder, o ex-presidente Lula, perdendo o status de ídolo do Brasil.

A cúpula dos petistas imaginou que Lula solto arrancaria aplausos, multidões de seguidores e sairia da cadeia como uma vítima aclamada pelo povo. Mas o que aconteceu foi o contrário, atualmente o ex-presidente seleciona com cuidado suas aparições públicas, pois as vaias e nomes de ladrão estão substituindo as aclamações a que o líder era acostumado. Claro, que na região Nordeste ainda tem muitos apaixonados, mas não a ponto de irem às ruas.

Em contrapartida, no Sul e Sudeste o constrangimento é certo. Não era esse o plano do PT para seus 40 anos.

Deixe uma resposta