E agora, qual será o próximo alvo da PF no Piauí?

As ações da Polícia Federal estão sendo cada vez mais constantes no Piauí. Semanalmente, há a deflagração de uma operação ou ramificações de alguma já realizada, e o direcionamento é de cada uma é similar: Desvio de recursos públicos. Ontem, os mandados de busca e apreensão foram cumpridos na sede do portal Clube Sat e também do PSC, cujo o presidente estadual é o advogado e pré-candidato à Prefeitura do Piauí, Valter Alencar.

Segundo a PF, Alencar foi alvo por ter sido assessor especial do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel em 2019. Segundo a Procuradoria-Geral da República (PGR), o governo do Rio de Janeiro nomeou parentes do advogado piauiense e outras pessoas ligadas a ele para diversos cargos públicos no Rio de Janeiro e aponta fortes indícios de que os indicados de Valter Alencar eram funcionários fantasmas no Rio, já que mantinham atividades no Piauí.

É nessas horas que colocamos, ainda mais, em questão a integridade de nossos representantes e autoridades públicas/políticas. E a pergunta que fica é, quem ou quais serão os próximos alvos da PF no Piauí?(Encarando)

Deixe uma resposta