Robert Rios não acompanha Wilson Martins na reaproximação com PT

Robert Rios não aceita reaproximação com o PT (Foto/Divulgação)

O ex-deputado Robert Rios disse que não aceita composição com o governo Wellington Dias para as eleições 2020. Ele falou que mantém relações políticas com o ex-governador Wilson Martins, do PSB. Mas que não acompanha a movimentação do ex-governador no sentido de recompor com Wellington Dias.

O ex-governador entende que não se faz política olhando pelo retrovisor. Frase já dita anteriormente por João Vicente Claudino para justificar seu retorno ao esquema comandado pelo PT. Martins já foi vice de Wellington e rompeu em 2014. Tentou duas vezes ser senador e não conseguiu. Agora planeja voltar aos braços do seu antigo benfeitor – Wellington o fez vice e depois governador.

Só que não contará com Robert Rios. “Não quero saber de composição com o atual governo”, disse Robert. Ele planeja ser vice na chapa comandada pelo médico Dr. Pessoa (MDB), que conta com apoio de Wellington Dias e do presidente da Assembleia, Themistocles Filho. Robert Rios foi candidato a senador em 2018 pelo DEM (Democratas). Hoje, está filiado ao PSB. (TR)

Deixe uma resposta