Operação Eleições: Polícia apreendeu R$ 88 mil e registrou 72 crimes eleitorais em cidades do PI

Segundo dados do Centro Integrado de Comando e Controle Estadual a Operação Eleições 2020 resultou em 54 prisões/conduções e mais 72 crimes eleitorais. A ação foi realizada de 12 a 15 de novembro.

Foram ainda registrados 121 crimes comuns relacionados ao pleito eleitoral e dois crimes contra candidatos (ameaça e lesão corporal). A polícia também apreendeu mais de R$ 88 mil em sete cidades do estado. São elas:

– Paquetá: R$ 14.500
– Jaicós: R$ 3.222
– Redenção de Gurgueia: valor não informado 
– Ilha Grade: R$ 1.114
– Piracuruca: R$ 800
– Jerumenha:  R$ 27.383
– Parnaíba: R$ 41.890

Ao todo, a operação contou com o efetivo de 21.648 e 6.156 viaturas do Corpo de Bombeiros Militar, Exército Brasileiro, Guarda Municipal, Polícia Militar, Polícia Civil e Polícia Federal. 

Prisão/Conduções:– Candidato preso/conduzido: 3
– Eleitores presos/conduzidos: 47
– Menor apreendido/conduzido: 4

Entre os crimes eleitorais com maior número de registro estão a compra de votos e a concentração de eleitores. Também foram registrados crimes de dano à urna eletrônica, imputações inverídicas, entre outros. Veja abaixo o detalhamento:
– Boca de urna: 5 ocorrências
– Compra de voto: 22 ocorrências
– Concentração de eleitores: 27 ocorrências
– Dano à urna de votação: 1 ocorrência
– Desobediência às ordens da Justiça Eleitoral: 9 ocorrências
– Fatos e imputações inverídicas (fake News): 8 ocorrências.(Laurivânia Fernandes)

Deixe uma resposta