Ciro desiste: Margarete e Iracema são nomes para substitui-lo na chapa

Por Arimatéa Carvalho

Ao invés do senador Ciro Nogueira, uma mulher pode ser a candidata a governadora pela oposição em 2022. As deputadas federais Iracema Portella e Margarete Coelho estão no páreo. Nos bastidores do PP, cresce a convicção que o senador prefere continuar sendo um dos grandes nomes da política nacional, atuando em Brasília.

Ciro faz questão apenas que o nome seja do PP e já admitiu que pode não ser ele. Margarete é mulher, tem discurso forte, é uma advogada atuante, conhecida em todo o Piauí e pode angariar o sentimento popular. Iracema também é conhecida e tem política no sangue.

Do outro lado, estão os nomes do secretário da Fazenda, Rafael Fonteles (PT), coordenador do programa Pro Piauí, e do senador Marcelo Castro (MDB). O MDB está alvoroçado em torno de Marcelo, que agora trata de fortalecer a chapa proporcional do partido convidando os deputados federais Fábio Abreu (PL) e Flávio Nogueira (PDT) para ingressar na sigla.

Deixe uma resposta