Equatorial reverte perda e obtém lucro de R$ 570 mi no Piauí

Em apresentação disposta aos investidores e imprensa especializada na quinta-feira (25), a Equatorial Energia divulgou que registrou um lucro líquido de R$ 1,4 bi no quarto trimestre do ano passado, com avanço de 6,8% na comparação anual, o resultado foi alavancado principalmente pelas subsidiárias no Piauí e em Alagoas. No ano fechado, os ganhos da empresa foram de R$ 2,975 bilhões. 

Por sua vez, os investimentos em todo o país chegaram ao patamar de R$ 917 milhões no ano passado. 

Os investimentos em todo o país chegaram ao patamar de R$ 917 milhões no ano passado (FOTO: Fábio Rodrigues Pozzebom)

No Piauí, a companhia conseguiu reverter a perda de R$ 14 milhões em 2019, alcançando no último ano um lucro de R$ 570 milhões. Na Equatorial Alagoas o ganho foi de R$ 230 milhões. É importante destacar ainda um crescimento no Maranhão (9,5%) e no Pará (8,4%). 

Além disso, a empresa ainda sinalizou que as perdas totais recuaram no Piauí pelo sétimo trimestre seguido, encerrando o trimestre em 21,5%, queda de 1,0 ponto percentual, e em Alagoas pelo quinto trimestre consecutivo, atingindo 23,6% em relação ao terceiro trimestre de 2020, recuo de 0,2%. No Maranhão fecharam o quarto trimestre em 18,5% da energia injetada, com aumento de 0,2 ponto percentual em relação ao terceiro trimestre dde 2020. 

O relatório ainda aponta para a Revisão Tarifária Extraordinária no Piauí, em dezembro de 2020, com aumento da base de ativos em 4,3x, totalizando R$ 1.671  milhões, e aumento do EBITDA regulatório para R$ 387 milhões, além do reconhecimento da receita de indenização das sobras físicas de R$  392 milhões (R$ 356 milhões líquidos de impostos) a ser feita com recursos do RGR.(Francy Teixeira)

Deixe uma resposta