Cirurgiã-dentista Millena Oliveira é presa acusada de furto de energia

Polícia Civil do Piauí prendeu nessa quinta-feira (28) a cirurgiã-dentista Millena Pereira de Oliveira, acusada de furto de energia mediante fraude no medidor em sua residência localizada na cidade de Regeneração, distante 154 km de Teresina.

Millena Oliveira

Millena Oliveira

Uma equipe da Equatorial Piauí realizou uma verificação preliminar e ao perceber a irregularidade no medidor da unidade consumidora, resolver acionar a Polícia Civil. O consumo de energia que constava na tarifa de energia era inversamente proporcional à estrutura do imóvel de classe média alta.

Durante uma inspeção minuciosa, verificou-se que havia um ímã no medidor de energia. Em função disso, a Polícia Civil resolveu adentrar no imóvel e a flagrou na residência.

Millena Pereira de Oliveira foi conduzida para a Delegacia Regional de Água Branca no final do dia, onde foi autuada em flagrante por furto mediante fraude. Ela vai aguardar a manifestação da Justiça, que deverá arbitrar fiança para sua soltura.

Já seu marido, o fisioterapeuta Laécio Batista Veloso e Silva, que é diretor do Hospital Estadual de Regeneração e proprietário do imóvel onde foi detectada a fraude, constatada pela equipe do Departamento de Polícia Técnico-Científica, será alvo de investigação no bojo do inquérito instaurado pela Polícia Civil do Piauí. Ele não foi localizado pela polícia.

Ainda ontem, uma equipe da Equatorial Piauí também constatou furto de energia na clínica de fisioterapia de Laécio Batista Veloso e Silva, Fisioclínica, localizada em Teresina.

Deixe uma resposta