CPI da Pandemia exibe mais ‘lacrações’ que indagações aos depoentes

CPI da Pandemia exibe mais ‘lacrações’ que indagações aos depoentesSenadora definiu distorção em uma frase: “não estou nem interessada na resposta dele (Pazuello)”

Encerrando de forma constrangedora a sessão desta quinta-feira (20) da CPI da Pandemia, a senadora Mara Gabrilli (PSDB-SP) mostrou por que depoimentos servem apenas de pretexto para que os senadores façam “lacração” e não indagações: “Eu não estou nem interessada na resposta dele”, disse ela após concluir a própria lacração, formulando juízo de valor sobre o tema da CPI e do ex-ministro Eduardo Pazuello. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Líder do DEM no Senado, Marcos Rogério (RO) definiu a inutilidade dos depoimentos: “O relator iniciou a CPI com o relatório debaixo do braço”.

Em sua lacração, Zenaide Maia (Pros-RN) mostrou que crê em duendes. Disse que a covid matou 6 mil na China, país de 1,5 bilhão de habitantes.

Longe das câmeras, lacradores se revelam: vídeo mostra Eduardo Braga (MDB) disse que não faltou dinheiro e culpou o governo do Amazonas.

Deixe uma resposta