Mão Santa se irrita com derrota na Câmara e deve mudar líder

Mão Santa se irrita com derrota na Câmara e deve mudar líder  - Imagem 1

Vereador Irmão Marquinhos

Por Arimatéa Carvalho

Não convidem para a mesma sessão legislativa o prefeito de Parnaíba, Mão Santa (DEM), e sua líder na Câmara, vereadora Neta. Ele está zangado. A prefeitura avalia que faltou mobilização e pulso dela para evitar que o Legislativo aprovasse projeto que isenta de pagamento de IPTU moradores de um bairro inteiro da segunda maior cidade do Estado. Ele pode ser substituída pelo vereador Irmão Marquinhos, que assim como ela é do partido do prefeito. Sobrou até para o presidente Carlson Pessoa, que também não evitou a aprovação. Detalhe: Mão Santa tem maioria na Casa.

INCONSTITUCIONAL 

O projeto de lei cuja isenta de IPTU os moradores do entorno do local conhecido como “Piscinão”, no bairro Piauí. O Executivo considera a matéria inconstitucional, demagoga e sem efeito prático. Isso porque 80% dos proprietários de imóveis da região já gozam de isenção do IPTU com base no critério de baixa renda. Os outros 20% são relativos a casas e terrenos com valor mais alto, ou seja, cujos donos têm condição de pagar o tributo.(Meio Norte)

Deixe uma resposta