Secretário Florentino explica falta de vacinas para segunda dose em cidades do Piauí

O secretário de Saúde do Piauí, Florentino Neto, esclareceu a informação de que mais de 100 municípios do Piauí estavam sem doses  da Coronavac para aplicação da segunda dose. Florentino explicou que houve um erro operacional mas que a questão está sendo solucionada junto ao Ministério da Saúde.

“A Secretaria de Estado de Saúde tem a obrigação de distribuir a vacina e foi isso que nós fizemos, distribuímos a vacina. O Ministério da Saúde em dado momento deu um start de que poderia se aplicar a segunda dose como primeira dose para assim, se ampliar o nível da vacinação. Essa autorização vem a partir do oitavo lote de distribuição, alguns municípios ainda tinham vacina do sétimo lote, e foram utilizadas essas vacinas”, disse em entrevista à TV Clube.

“Isso deu uma diferença, uma questão meramente operacional, foi um erro, mas foi operacional. Houve uma comunicação do ministério que não foi muito bem entendido, mas o Conselho dos Secretários de Saúde levaram essa problemática e autorizou a deliberação deste problema e solicitação de uma remessa para resolver”, completou.

Florentino concluiu informando que nos demais municípios a segunda dose está sendo aplicada regularmente

Deixe uma resposta