Coren-PI critica salário oferecido em concurso e pede retificação de edital a prefeitura de Cocal

O Conselho de Enfermagem do Estado do Piauí (Coren-PI) divulgou na tarde desta quinta-feira (03) nota repudiando o baixo salário proposto para o cargo de Enfermeiro, profissão de nível superior reconhecida e regulamentada por Lei Federal nº 7.498/86, no Concurso Público de Edital nº 001/2021, sob responsabilidade do Município de Cocal.

O edital do certame foi publicado na última quarta-feira (2) pelo Núcleo de Promoção de Concursos da Uespi (NUCEPE), e prevê um salário de R$ 1.500,00 para o profissional da área da enfermagem e de R$ 1.100,00 para técnico de enfermagem. A remuneração oferecida é menor que o salário para cargo de nível técnico.

Conforme a nota, o Coren, em conformidade com a defesa do exercício profissional, recomenda que o edital seja retificado, propondo um salário justo para o profissional.

“O edital é reflexo da desvalorização do profissional de enfermagem. Esperamos que a administração do município reflita, levando em consideração a importância da profissão em um momento tão delicado da saúde pública mundial, e que o edital seja devidamente motificado”, diz trecho da nota.

Veja o edital na integra

 

Deixe uma resposta