Grupos culturais lamentam mais um ano sem o São João da Parnaíba

Asta Junina faz parte da tradição nordestina e representa toda a alegria explicitada no ritmo de  Feforró – estilo musical muito presente na vida do cidadão do nordeste. Em Parnaíba, esse tradicional evento é realizado na Praça Mandu Ladino. 

E é justamente por ser palco dessa festa todos os anos que o local ficou conhecido como quadrilhódromo. Em outro momento – na praça – já estaria montada uma estrutura para recepcionar os parnaibanos que tradicionalmente se mobilizam para prestigiar as apresentações dos grupos culturais da cidade. Este ano, pela segunda vez, a tradição foi deixada de lado pelo bem de todos. As medidas necessárias para a contenção do novo coronavírus impossibilitam a realização das quadrilhas.

Francinês Souza, que é participante de uma das mais tradicionais quadrilhas juninas de Parnaíba conversou com o Portal Costa Norte e falou de seu sentimento pela não realização do evento pelo segundo ano consecutivo. “É com muita tristeza que iniciamos mais um mês de junho sem o nosso tão sonhado São João. O São João, ele representa muito para nós quadrilheiros. Em um época dessas, em outros anos estávamos prestes a estrear, bordando nossas roupas, preparando a nossa grande estreia. Mas infelizmente, aconteceu a pandemia, então vamos ficar esperançosos pela vacina que até o final do ano todos possam estar vacinados e no próximo ano a gente possa estar voltando com nossa grande festa que é o São João.”, disse. 

Apesar de toda a problemática relacionada à pandemia da covid-19, a esperança é a última que morre. Nerinaldo Costa, integrante de outro grupo cultural de Parnaíba, disse estar confiante de que em 2022 tudo será diferente. “Hoje vim falar que não podemos dançar o São João. Para nós quadrilheiros é uma tristeza profunda. A gente espera por essa época pra mostrar nosso trabalho, pra mostrar nosso espetáculo, é muito triste tudo isso que estamos passando nessa pandemia. No ano passado a gente sempre falava que em 2021 é logo ali, pensando que em 2021 a gente poderia executar o nosso projeto, como a gente já vinha executando. Agora é esperar que em 2022 possamos estar juntos mostrando nosso espetáculo, mostrando nossa magia que é tão linda, que é a festa de São João.”, enfatizou. (Lucas Zadoque)

Deixe uma resposta