Serviços de ortopedia e fisioterapia em Parnaíba serão transferidos para espaço da Pro-médica

A Clínica Pro-médica, que vem atuando como Anexo I do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA) no enfrentamento a pandemia de Covid-19 desde sua reabertura em Junho de 2020, receberá os serviços ortopedia e centro de fisioterapia. As mudanças acontecerão no momento que as obras de melhoria da estrutura do HEDA se iniciarem, garantindo que a assistência a população continue ocorrendo sem interferências.

O tema foi discutido em uma reunião de planejamento na manhã desta quinta-feira(08), onde foi tratada a reorganização da rede de serviços de saúde em Parnaíba. O município conta com o HEDA, o espaço da clínica Pro-médica como Anexo I do HEDA e o Hospital Nossa Senhora de Fátima como Anexo II da unidade, além disso o município conta ainda com o Centro de Fisioterapia e a Policlínica Estadual. 

Mudança deve acontecer junto com o início das reformas do HEDA

O Secretário de Estado da Saúde Florentino Neto fala que a ideia da reorganização é melhorar a qualidade dos serviços prestados para a população. “Queremos otimizar os serviços, permitindo a retomada das cirurgias eletivas no HEDA. Iremos transferir para o espaço da Pro-médica todo o setor da ortopedia e o centro de fisioterapia, dessa forma teremos em um mesmo ambiente hospitalar tanto a cirurgia ortopédica como os serviços de reabilitação”, explica o secretário de saúde.

Outro ponto de discussão que já está em análise foi a possibilidade de instalação, também no espaço do Anexo I do HEDA, do centro de especialidades médicas, levando para o povo de Parnaíba e de todo o litoral piauiense um grande centro de serviços de saúde.

“As primeiras mudanças devem acontecer com o início das reformas do HEDA, onde as especialidades hoje funcionam. Além disso, temos o planejamento de realizar grandes mutirões de cirurgias, desde cirurgias de catarata; cirurgias ginecológicas; cirurgias gerais; cirurgias ortopédicas até cirurgias pediátricas. Ao mesmo tempo o Hospital Nossa Senhora de Fátima continuará com a assistência ao HEDA no atendimento de pacientes da Covid-19, garantindo assim toda uma reorganização na rede de serviços de saúde que levará melhor qualidade nos atendimentos a população”, completou o secretário.

O deputado estadual Dr. Hélio também esteve na reunião e fala da importância dessas modificações para os serviços de saúde na região. “Temos o objetivo de dar um atendimento melhor para a população da planície litorânea. Também queremos dizer que já estamos em uma analise avançada para a implantação do centro de especialidades. Vamos otimizar os nossos serviços de saúde revitalizando o espaço da Pro-médica e assim garantindo mais um avanço em direção a saúde de mais qualidade”, disse o deputado.

SESAPI

Deixe uma resposta