Em Teresina, Lula vai se reunir com movimentos sociais, empresários e políticos

O ex-presidente Lula (PT) cumpre agenda em Teresina nesta terça-feira (17) e participa de atividades com lideranças políticas, movimentos sociais, além de empresários. 

O petista iniciou um tour pelo Nordeste em busca de apoio para sua pré-candidatura à presidência nas eleições de 2022 e discute seu legado na capital piauiense.

Lula iniciou a viagem por Pernambuco e segue para seis estados governados pelo PT e PSB, possível aliado eleitoral. Na agenda, estão previstas visitas também ao Maranhão, Ceará, Rio Grande do Norte e Bahia. Em razão da pandemia do novo coronavírus, não haverá eventos de rua. É a primeira viagem política do petista desde que foi solto, em novembro de 2019.

A previsão é que Lula chegue a Teresina por volta das 10h. Ele segue do aeroporto direto para o evento no bairro Pedra Mole, no Centro Estadual de Tempo Integral (Ceti). Lá, Lula vai conhecer o projeto e conversar com estudantes. O evento é restrito para cerca de 100 pessoas, segundo informou a organização. 

Por volta de 13h, o ex-presidente terá um almoço com 50 pessoas no hotel Blue Tree com o governador Wellington Dias, deputados da bancada petista, presidentes dos partidos da base aliada e empresários.

Às 18h está prevista uma live com a presença de 20 lideranças de movimentos sociais. Seis representantes do Piauí vão falar na live. 

Na quarta-feira, Lula visitará o Centro Integrado de Reabilitação (Ceir) no projeto que trata paciente com sequela da covid-19 e dará coletiva de imprensa antes de viajar para o Maranhão.   

“Aqui o presidente Lula quer fazer uma pauta discutindo a importância da educação na erradicação da pobreza. Nós deveremos ter uma agenda em uma escola na região da Pedra Mole, na inauguração da sua reforma. Ele também quer conhecer essa experiência do tratamento pós Covid. Também quer ouvir empresários, movimentos sociais, lideranças políticas. É uma agenda que ele está fazendo em vários estados do nordeste e vamos recebê-lo de braços abertos”, destacou Wellington.(Flash Yala Sena e Natanael Sousa)

Deixe uma resposta