PMs do Piauí que participarem de ato dia 07/09 podem estar cometendo crime

As manifestações marcadas para 7 de setembro tem movimentado alguns segmentos, inclusive o dos militares. Uma portaria foi baixada pelo comandante da Polícia Militar do Piauí, coronel Lindomar Castilho, restringindo essas manifestações. Hoje o promotor do Tribunal de Justiça Militar reforçou também que essa participação é crime.

Segundo informações da TV Cidade Verde, o promotor afirma que a Constituição Federal e o Código Penal Militar proíbem essa participação do policial militar em manifestações políticas, sejam fardados ou não. O promotor disse também que o código penal militar é claro, o policial da ativa estando de folga ou de férias não pode participar de manifestações políticas, eles podem ir mas serão processados e irão responder pelo crime.

Em todo o Brasil grupos bolsonaristas defendem e convocam em redes sociais as manifestações para o dia 7 de setembro em apoio à Bolsonaro, o próprio presidente também está convocando os apoiadores para ir as ruas. Em Teresina os tradicionais desfiles de 7 de setembro não irão acontecer para conter as aglomerações. 

Deixe uma resposta