E a tal ponte “Geraldo Bolsonaro” começa quando???

Volta a circular nas redes sociais uma “Carta Aberta” cuja autoria é atribuída ao empresário Onofre Martins de Sousa Filho, onde ele aponta vários inconvenientes  que traria a nova ponte de acesso à Praia da Pedra do Sal, anunciada há mais de 2 anos e, mesmo sem haver sido iniciada, já tem um nome: Geraldo Bolsonaro, que o parnaibano não sabe quem é mas que, na visão do prefeito Mão Santa, merece constar no novo empreendimento por se tratar do nome do pai do Presidente Bolsonaro.

Também bastante questionada uma estrada que, mesmo antes de existir, já tinha um nome: deputado Ciro Nogueira- em homenagem ao pai do senador e atual ministro da casa civil de Bolsonaro, Ciro Nogueira Filho. Dizem que a estrada sai do NADA  e leva a LUGAR NENHUM.

Dentre os inconvenientes citados é dito na carta que “os donos de bares, restaurantes, comércio e a população do Bairro Nossa Senhora do Carmo seriam extremamente prejudicados com a limitação de acesso que aconteceria com a implantação dessa nova ponte”.

A carta, cuja íntegra pode ser lida abaixo, termina afirmando: ‘Não somos contra a ponte. Somos contra a localização da ponte e a favor do desenvolvimento de Parnaíba”.

A pergunta que não quer calar é: QUANDO SERÃO INICIADAS AS OBRAS DA NOVA PONTE DA PEDRA DO SAL? Dizem que o dinheiro está na conta da Prefeitura. E o que falta???

Enquanto isso registre-se o protesto solitário do professor Wllians Geraldo que encabeça uma luta pela construção de uma ponte de concreto no lugar da ponte de madeira, no Bairro Tabuleiro, e que dá acesso a vários bairros e beneficiaria centenas de famílias. Tal ponte já serviu, segundo ele, de palanque político para muita gente e que o Governo do Estado anunciou abraçar a causa mas a Prefeitura já teria se  pronunciado contrária à iniciativa.

Enquanto isso o prefeito Mão Santa brinca de andar de trator na nova estrada para a Nova Ponte, que ainda não se sabe quando começa ser construída.

Deixe uma resposta