Regina Sousa não aceita filiação de ex-governador Wilson Martins ao PT

O PT rejeita a filiação de Wilson Martins. O partido se reuniu nesta segunda-feira 27 para discutir a possibilidade. Na semana passada, aventou-se a perspectiva de filiação do ex-governador, que já foi aliado do PT em outras eleições. Ele chegou a ser vice-governador de Wellington Dias (2007/2010) e depois governador eleito com apoio do partido do atual governador (2011/2014).

Regina Sousa não quer Wilsão no PT de jeito nenhum

Os dois romperam em dezembro de 2013 depois que Martins anunciou que lançaria outro candidato que não seria do PT. Ele optava inicialmente pelo nome de Marcelo Castro, do MDB, que na época era deputado federal. Regina Sousa, a vice-governadora, fez um longo discurso para antagonizar-se à filiação de Wilson Martins. Ela foi seguida por todos os demais membros da direção partidária.

Somente o suplente de deputado Ziza Carvalho se manifestou a favor de Martins. O ex-governador quer se filiar ao PT para disputar eleição para deputado federal. O partido entende que ele não adequa aos princípios do partido. Ademais, seria um traidor, que já mostrou-se contrário em eleições anteriores

No entender dos petistas, ele está buscando filiação agora e se apresenta de forma humilde porque está na pior politicamente e precisando de amparo. Mas na hora em que se encontrar em melhores condições a primeira coisa que fará, conforme avaliam, é dar um chute no traseiro do partido e seus integrantes. Ele já fez isso antes, dizem.

Regina Sousa disse que o PT tem que buscar alianças dentro do seu espectro ideológico. Ela agora é voz firme no partido porque vai assumir o governo em março que vem para que o atual governador seja candidato ao Senado ou Câmara Federal.

O integrante do PT, Francisco Júnior, o Júnior do MP3, havia dito no sábado que o partido não aceita Wilson Martins. Ele que procure outro pouso para sua campanha de 2022. “Como aliado, tudo bem. Como filiado, nunca”, disse Júnior MP3. (TR)

Deixe uma resposta