Franzé diz que vai manter PL que exige comprovante de vacinação no Piauí

Franzé Silva

O deputado estadual Franzé Silva (PT) afirmou que mesmo após o decreto do governador Wellington Dias (PT) vai manter o projeto de lei que exige a comprovação de vacinação contra a covid-19 para a entrada em eventos no estado do Piauí.

“Mesmo com o decreto eu continuo com o projeto, porque o que dá segurança jurídica é a lei. Vários estados tiveram a questão de judicializar a medida do governador, prefeito, colocando a população em risco mediante pessoas que teimam com a ciência e teimam em respeitar a vida das pessoas”, declarou Franzé.

A medida gerou críticas das pessoas que não foram imunizadas. Alguns críticos afirmaram que podem sofrer preconceito por não terem tomado a vacina.

“Avalio que não existe uma segunda classe, mas não podemos colocar em risco a vida das pessoas. Se eles consideram que a vacina é ineficaz, eles não podem colocar em risco as pessoas que consideram a importância da segurança sanitária”, continuou o deputado.

Certificado de vacinação

Franzé disse ainda que o comprovante de vacinação já está sendo pedido em diversos lugares do mundo. “É uma coisa que a Europa está fazendo e o Brasil tem que fazer, ter o controle de sair dessa pandemia com segurança e não podemos ficar presos a negacionistas que teimam em não se vacinar, podendo infectar muita gente e levar pessoas à morte. É uma questão de segurança’, finalizou o parlamentar.(Gp1)

Deixe uma resposta