PL seguirá com Wellington mesmo com Bolsonaro no partido, diz Carlos Augusto

Coronel Carlos Augusto

O deputado estadual Carlos Augusto se pronunciou, nesta terça-feira (26), sobre o possível ingresso do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ao PL. Ele afirmou que no Piauí, a sigla seguirá alinhada com o governador Wellington Dias (PT) e com o secretário de Estado da Fazenda, Rafael Fonteles (PT).

Augusto lembrou que o Partido Liberal está integrado, desde 2003, ao projeto do chefe do executivo piauiense e que o alinhamento será mantido no ano que vem. Ainda conforme o parlamentar, antes da possível entrada de Bolsonaro, o presidente nacional da sigla havia deixado claro que os estados teriam autonomia para traçar as melhores estratégias para o ano que vem.

“O partido nem se reuniu ainda para tratar dessa possibilidade. No Piauí, sei que há uma movimentação a nível nacional, mas tem algo que o presidente nacional [Valdemar Costa Neto] já deixou bem claro anteriormente a esse convite [a Bolsonaro] que os estados teriam total autoridade para seguir o caminho que quisessem seguir dentro do Estado”, disse Augusto.

“Então, os estados teriam autonomia e nós do Piauí não tergiversamos em nenhum momento. O nosso projeto está junto do projeto do governador Wellington Dias e do pré-candidato Rafael Fonteles. Nós já estamos nesse projeto desde 2003. Acreditamos nele, inclusive, todos que compõem o partido Liberal, seguiremos juntos com o governador Wellington Dias em qualquer situação”, acrescentou o deputado estadual.(Germana Chaves)

Deixe uma resposta