Bolsonaro elogia o centrão e ataca o PT

Jair Bolsonaro voltou a dar explicações tentando justificar sua aliança com o centrão, agrupamento de direita que baseia seus acordos em fisiologismo, negociando verbas e cargos. 

Suas declarações foram dadas durante entrevista ao programa Diálogo com Lacombe (RedeTV!) nesta quinta-feira (25), informa a Folha de S.Paulo

Bolsonaro fez campanha eleitoral em 2018 atacando o centrão, tido como antro de ladrões por ele e seus auxiliares mais diretos, entre eles o general Augusto Heleno, que em seu governo ocupa o cargo de chefe do Gabinete Institucional.  Agora, Bolsonaro diz que centrão “é um nome pejorativo que deram”.

Durante a entrevista, Bolsonaro tentou apresentar os entendimentos com o cacique do PL Valdemar Costa Neto como conversas de “alto nível”. Nos próximos dias, Bolsonaro deve se filiar ao PL.

Com receio de que o ex-presidente Lula vença as eleições presidenciais de 2022, Bolsonaro atacou o PT: “Com o PT de volta, todo mundo vai perder. Não tem como fazer milagre na economia e vão voltar para aparelhar tudo no país, para nunca mais sair do poder”.(pensarpiaui)

Deixe uma resposta