Deltan vai reforçar chapa presidencial de Sergio Moro

Segundo o Blog do Vicente, no Correio Braziliense, Deltan Dellagnol finamente se rendeu à política. Ele anunciou hoje (4) que renunciou ao cargo de procurador da República. Ao que tudo indica, deve se filiar ao Podemos, pelo qual o ex-juiz Sergio Moro será candidato à Presidência da República.

A perspectiva é de que ele seja candidato deputado federal pelo Paraná. Mas não está descartada a possibilidade de ele concorrer para o Senado. O problema é que um dos caciques do Podemos, o senador Álvaro Dias, deve tentar a reeleição.

Deltan está disposto a liderar um grupo que resgate, segundo ele, os valores da Lava-Jato, que vêm sendo destruídos pelo governo de Jair Bolsonaro com total apoio do presidente da Câmara, Arthur Lira. A bandeira de sua campanha será o combate à corrupção. A filiação de Moro ao Podemos está marcada para o próximo dia 10, em Brasília.

O curioso foi o racha dentro da bancada da legenda na Câmara votando a favor da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos Precatórios, aprovada na madrugada desta quinta-feira (4/11), no primeiro turno. Eram necessários 308 votos e 312 deputados votaram sim, inclusive, a maioria das bancadas de partidos da oposição, como o PDT e o PSDB.

Deixe uma resposta