Homem é condenado a 26 anos de prisão por homicídio em Parnaíba

O Ministério Público do Piauí, por meio da 5ª Promotoria de Justiça de Parnaíba, condenou, nessa quarta-feira, 17, Maurício Nascimento da Cunha pelo crime de homicídio qualificado praticado. Na denúncia, o promotor Rômulo Cordão apresentou Maurício Cunha foi apontado como o autor do assassinato.

Ele atirou contra Cledilson Sousa Cunha. Já Jhonyston Carvalho da Silva, vulgo Galego, auxiliou Maurício na realização do crime, prestando auxílio material e intelectual. O crime ocorreu na manhã do dia 24 de setembro de 2016, em uma residência localizada na rua Pedro I, bairro Santa Luzia, em Parnaíba.

A vítima estava na calçada lateral da referida residência, tomando um café. O denunciado Jhonyston, pilotando uma moto com Maurício na garupa, dirigiu-se ao local onde se encontrava a vítima. Ao chegar ao local, Maurício sacou a arma de fogo e efetuou cerca de quatro disparos contra Cledilson, que morreu no local.

Maurício Cunha foi condenado a 25 anos e seis meses de reclusão. O Conselho de Sentença reconheceu que Jhonyston Carvalho da Silva não concorreu para a prática criminosa, votando pela absolvição do acusado quanto ao crime de homicídio.

Deixe uma resposta