PRO Alfabetização: 100% dos municípios piauienses aderem ao programa

Maior programa de alfabetização já criado na história do Piauí, o PRO Alfabetização na Idade Certa tem o objetivo de alfabetizar todas as crianças até os 7 anos de idade. A iniciativa, que é realizada em regime de colaboração com os municípios, acaba de completar 100% de adesão dos municípios piauienses. A expectativa é beneficiar mais de 200 mil crianças das escolas públicas de Educação Infantil e do ciclo de alfabetização (1º e 2º ano do Ensino Fundamental).

PRO Alfabetização

Para Gabriela Oliveira, Coordenadora Estadual do PRO Alfabetização na Idade Certa na Secretaria de Estado da Educação (Seduc), a ação está transformando a educação pública do Piauí.

“O PRO Alfabetização na Idade Certa está chegando em todos os municípios com avaliação, formação de professores e gestores e assessoria técnica e pedagógica. É a maior experiência educacional em regime de colaboração da história do estado: com a adesão de Lagoa do Piauí, todos os 224 municípios piauienses pactuaram com o programa. Estamos criando uma forte mobilização pela alfabetização das crianças na idade certa em todo o Piauí”.

Diversas ações do programa já foram desenvolvidas ou estão em andamento. Com a constituição das equipes regionais e municipais do programa, realizada por seleção pública, foram concluídos os percursos formativos para os professores alfabetizadores e gestores escolares na primeira semana deste mês.

Além disso, o Material Didático Complementar que está sendo desenvolvido em parceria com a Associação Nova Escola está em fase final de elaboração. No início do ano letivo de 2022, todos os alunos e professores do 1º e 2º ano do Ensino Fundamental contarão com um material para o fortalecimento do processo de alfabetização e letramento, criado por professores piauienses e em sintonia com a realidade do Estado.

Entre outras ações, Gabriela destaca ainda o novo edital para as vagas remanescentes de coordenador e formador municipal, publicado no dia 08/11; a elaboração das Orientações Pedagógicas para a Educação Infantil, que serão distribuídas no início de 2022; a formação remota sobre os resultados da avaliação de fluência, prevista para 16/11; e a formação remota para os professores da Educação Infantil, prevista para 07/12.(pensarpiaui)

Deixe uma resposta