Deputada anuncia requerimento de convocação do ministro Ciro Nogueira à Câmara Federal

_Deputada Sâmia Bonfim (Foto: Divulgação) 

Por Rômulo Rocha – Do Blog Bastidores

A deputada Sâmia Bonfim, do PSOL de São Paulo, anunciou esta semana no plenário da Câmara Federal que iria pedir a convocação do ministro-chefe da Casa Civil Ciro Nogueira para dar explicações sobre denúncias de malversação de dinheiro público no Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O órgão tem como presidente Marcelo Ponte, apadrinhado e um ex-chefe de gabinete do político piauiense. 

“Nós já estamos fazendo a convocação de Ciro Nogueira, para que ele venha prestar esclarecimentos sobre os seus indicados no FNDE, como também sobre os que estão à frente desses escândalos todos, com muito dinheiro público, que deveria ser de fato do povo”, falou a deputada do PSOL, antes de anunciar que é também favorável à CPI do MEC.

Para a parlamentar, “o que está acontecendo hoje com o MEC, em especial com o FNDE, é um verdadeiro escândalo”.

“Nós sabemos que há responsáveis, que há sujeitos que controlam, que há indicados políticos à frente do FNDE que estão também tomando conta da máquina pública. E não estamos falando de um orçamento menor, não. O FNDE controla cerca de 28% do orçamento do MEC. Por isso, é algo tão grave”, disse.

A parlamentar acresceu ainda que “ao mesmo tempo em que nós vemos as nossas escolas sucateadas, uma verdadeira irresponsabilidade no contexto da pandemia para lidar com a saúde dos educadores e dos estudantes, nenhum compromisso com a garantia de conectividade, por exemplo, ou mesmo, no que diz respeito ao ensino superior, um sucateamento completo, sem a garantia de orçamento para que se execute minimamente as suas atividades, paralelamente a isso, nós vemos o MEC sendo aparelhado para construir verdadeiros escândalos de corrupção”.

IVAN VALENTE TAMBÉM DIZ QUE PEDIRÁ CONVOCAÇÃO

Outro deputado do PSOL de São Paulo, Ivan Valente, disse que também proporá a convocação de Ciro Nogueira para duas comissões na Câmara Federal.

“Vamos convocar o ministro Ciro Nogueira para comparecer à Comissão de Educação e à Comissão de Fiscalização e Controle desta Casa”, disse.

Também informou que vai “pedir o registro de todas as entradas do chefe do FNDE lá no Palácio do Planalto, porque ele se reporta ao Ciro Nogueira, e não ao ministro da Educação”. “E, certamente, vamos denunciar essa corrupção de obras”, pontuou.

Deixe uma resposta