Parabéns, professor Assis!

Hoje é dia de parabenizar meu irmão primeiro: o professor Assis – Francisco de Assis Pereira da Silva, responsável pela nossa vinda do interior (Maranhão) para a cidade grande (Parnaíba) em busca de melhorar nossos conhecimentos. E todos aqui estudamos, aprendemos, alguns se graduaram, enfim, deu certo. Aliás, a ele devo a oportunidade de entrar no magistério parnaibano aos 20 anos, onde atuei por mais de 30 anos.

Hoje cercado de netos (na foto apenas parte deles), Assis recebe o abraço afetuoso de todos nós da família e de uma legião de amigos que ele soube construir ao longo de sua trajetória, como cidadão correto, digno e amado por todos; Parabéns, Seu “MININO”. (Por:  Bernardo Silva)

É agora que a ponte do Tabuleiro sai? Ou é só mais uma bravata do prefeito!!!

A imprensa oficiosa do governo municipal anuncia que “o prefeito de Parnaíba, Mão Santa, e a secretária municipal de Infraestrutura, Gracinha Moraes Souza, estão reforçando a cobrança ao Governo do Estado para que seja feita a nova ponte do tabuleiro com estrutura de concreto, como aguardam os moradores da região”.

Foi dito ainda que “Mão Santa e Gracinha fizeram inúmeras ligações aos gestores do Estado para cobrar a ponte do tabuleiro e por isso o Governo se comprometeu a licitar o projeto agora. Caso contrário, a Secretaria Municipal de Infraestrutura iria tomar a frente e fazer por conta própria”.

Ora, ora, ora…se a prefeitura tem tanta bala na agulha, com apoio do Bolsonaro e do Cirim, por que esperaram tanto tempo pelo governo do Estado? A ponte já deveria ter sido feita há tempos, com emendas parlamentares e até com recursos do orçamento federal. Mão Santa já está sentado na cadeira de prefeito há mais de 5 anos. Não cabe mais bravatas e nem demagogias. Mostra que é o bam-bam-bam, prefeito!. Esperar pelo governo do Estado???

Coordenação da ADUFPI Parnaíba reúne-se com o Reitor em exercício da UFDPar para tratar sobre volta às aulas presenciais.

Preocupados com o retorno às aulas presenciais previstas para o dia 07 de fevereiro, de acordo com calendário acadêmico aprovado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão, a Coordenação Regional de Parnaíba da Associação dos Docentes da Universidade Federal do Piauí (ADUFPI), representada pelos professores Osmar de Alencar Jr., João Paulo Macedo e Vicente Borges, se reuniram nesta quarta-feira, 19 de janeiro, com o Prof. José Natanael Fontenele de Carvalho, Reitor em exercício da Universidade Federal do Delta do Parnaíba, para tratar sobre as ações implementadas em cumprimento do Plano de Biossegurança aprovado pelo Conselho Universitário em novembro de 2021.
De acordo com o Coordenador Regional de Parnaíba da ADUFPI, Osmar de Alencar Jr., o retorno às aulas presenciais requer o cumprimento dos protocolos de biossegurança previstos no Plano aprovado pela UFDPar, com medidas que orientem a organização, sinalização da entrada na instituição, adequação das salas de aula e dos laboratórios, atendimento ao público nas clínicas-escolas, cuidados com higiene pessoal, e instituição de comitês para o acompanhamento e avaliação dos procedimentos/protocolos, diante de casos suspeitos e confirmados por Covid-19, além de adoção de medidas preventivas, de testagem e contenção de transmissibilidade nas dependências do Campus, dentre outras medidas.
Antes da reunião, a Coordenação Regional da ADUFPI Parnaíba, visitou as dependências do Campus (salas de aula, laboratórios, clínicas-escolas, banheiros, etc.), constatando poucas ações previstas no plano de biossegurança executadas. “Verificamos que, até o momento, poucas ações do Plano de Retomada das Atividades presenciais foram realizadas e que muitas medidas para a segurança de alunos, professores e técnicos-administrativos e pessoal terceirizado, ou até mesmo para a comunidade externa que visita diariamente o Campus, não foram executadas. Precisamos de um ambiente adequado para retornar as atividades de ensino da Universidade, afinal a Pandemia de COVID-19 ainda continua, inclusive em meio a mudança do cenário sanitário no Brasil nas últimas semanas com o aumento de casos positivados e internações.”, comentou o coordenador da ADUFPI – Regional Parnaíba.
Outro ponto importante levantado pelo Prof. Osmar de Alencar Jr., refere a Nota Técnica n.º 002/2022, aprovada pelo COE-PI/Secretaria de Saúde do Estado do Piauí, que estabelece medidas de contenção à COVID-19 para o retorno/continuidade das aulas presenciais em todos os níveis educacionais. O documento estabelece em seu art. 1º, item IV, que as instituições educacionais devem solicitar o comprovante de vacinação de professores, alunos e trabalhadores, de acordo com o calendário do Programa Nacional de Imunização, pelo menos uma vez, para adentrarem nos estabelecimentos de ensino. “Adoção dessa medida na UFDPar certamente irá fortalecer a segurança de todos em nossa Universidade, diferentemente do ocorrido na UFPI, na data de ontem, em que prevaleceu a visão negacionista e anti-ciência da maioria dos integrantes do Conselho Universitário, ao decidirem pela não adoção da medida da obrigatoriedade da apresentação do cartão vacinal”, comentou o Prof. Osmar de Alencar Jr.  
Além dos representantes da ADUFPI Regional Parnaíba, também participaram da reunião junto a Reitoria da UFDPar representantes da administração superior: prefeitura universitária, pró reitorias de administração, de ensino de graduação, de pesquisa e ensino de pós-graduação e inovação, de assuntos estudantis, além de responsáveis pela comunicação institucional, e do setor de laboratórios de ensino e pesquisa do Campus.
O Reitor em exercício da UFDPar solicitou o prazo de sete dias para responder ao documento com os questionamentos apresentados pela ADUFPI Regional Parnaíba.

Ciro vai explicar a prefeitos escolha de Silvio Mendes como candidato

O candidato a governador da chapa da oposição será o ex-prefeito de Teresina Silvio Mendes (PSDB). Longe de microfones e câmeras ligadas, lideranças do PSDB e do Progressistas já admitem que Silvio vai encabeçar a chapa e a deputada federal Iracema Portella será a vice. O lançamento da chapa vai acontecer no dia 5 de fevereiro.

Uma liderança ouvida pelo Lupa1 nesta quarta-feira (19) revelou que o ministro Ciro Nogueira (Progressistas) passará os próximos dias explicando a alguns prefeitos o porque da escolha de Silvio. Parte dos gestores do partido tinha mais simpatia pelo nome de Iracema, mas vão ouvir de Ciro que o escolhido é Silvio Mendes.

Apesar disso, os caciques do grupo da oposição garantem que todos estarão unidos. Silvio Mendes deve se filiar ao Progressistas, mas não é descartada a permanência dele no PSDB. Nesse caso, a intenção seria evitar críticas sobre uma eventual chapa pura, já que o candidato ao Senado Joel Rodrigues e a vice Iracema Portella já são do Progressistas. (Gustavo Almeida/Lupa1)

PRF apreende carregamento de crack avaliado em R$ 30 mil Em Buriti dos Lopes

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu dois homens e duas mulheres transportando crack e maconha na tarde da última quarta-feira (19/01), durante fiscalização na BR 343, em Buriti dos Lopes, Norte do Piauí. 

Divulgação / PRF

Uma cooperação entre as Inteligências da PRF, da Secretaria de Justiça do Piauí (Sejus)  e do Grupo de Repressão ao Crime Organizado da Polícia Civil (GRECO), levou uma equipe da PRF a abordar um FIAT/Mobi ocupado por dois homens, de 27 e 29 anos e duas mulheres de 27 e 33 anos.

Foi dada ordem de parada ao veículo, a qual foi desobedecida. Durante a tentativa de fuga, os ocupantes jogaram três tabletes de crack pelas janelas do veículo. Após acompanhamento tático, o veículo foi alcançado, os quatro ocupantes presos e a droga apreendida. A droga avaliada em R$ 30,3 mil tinha como origem Teresina e destino a Parnaíba.

A ocorrência foi apresentada na Delegacia da Polícia Federal de Parnaíba, onde as quatro pessoas foram presas em flagrante por tráfico de entorpecentes.

Deu na imprensa:”Zé Filho vota em Gracinha, que fala nele como sucessor de Mão Santa”


A secretária Gracinha Mão Santa se reuniu com o ex-governador Zé Filho, seu primo, e com o prefeito Mão Santa em Parnaíba para discutir o cenário deste ano. Zé Filho vai votar na prima para deputada estadual (o partido ainda será definido) e Gracinha disse que ele é um candidato natural à sucessão de seu pai em 2024. Por enquanto, tudo na paz na família

Zé Filho elogiou a capacidade administrativa de Gracinha na gestão de Mão Santa e destacou as obras em andamento no segundo mandato do tio.

O PP espera Gracinha em sua chapa, mas ela e o advogado Denys Cavalcante (pré-candidato a federal que fará dobradinha com ela) ainda vão ter uma conversa definitiva com o ministro Ciro Nogueira.

Estudo indica que Auxílio Brasil deve injetar, no mínimo, R$ 84 bilhões na economia

Estudo da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), divulgado hoje (19), analisa que o programa Auxílio Brasil deverá injetar na economia, ao longo deste ano, pelo menos R$ 84 bilhões, dos quais 70,43%, ou o equivalente a R$ 59,16 bilhões, deverão se transformar em consumo imediato, enquanto 25,74% (R$ 21,62 bilhões) se destinarão para quitação ou abatimento de dívidas e 3,83%, ou R$ 3,21 bilhões, serão poupados para consumo futuro.

O programa Auxílio Brasil substituiu o Bolsa Família, extinto no ano passado, e teve suas primeiras parcelas mensais pagas aos beneficiários em 2022 a partir de ontem (18).

A estimativa da CNC é que 70% desse montante se destinará ao consumo imediato, mas não ao consumismo Foto: Jeso Carneiro/Flickr

O economista da CNC, Fabio Bentes, explicou que o valor de R$ 84 bilhões foi apurado tomando por base o benefício mínimo de R$ 400. “Como a gente não sabe quanto cada brasileiro vai receber, porque depende de outras variáveis, a gente fez a conta por baixo. Como o benefício mínimo é de R$ 400 pago a 17,5 milhões de famílias, durante 12 meses, isso perfaz R$ 84 bilhões”. Esse será o valor que o programa vai disponibilizar, no mínimo, em 2022. Entretanto, como o benefício é variável, a estimativa pode ser ainda mais otimista: R$ 89,9 bilhões.

A estimativa da CNC é que 70% desse montante se destinará ao consumo imediato, mas não ao consumismo, até porque os elegíveis do antigo Bolsa Família estão na pobreza extrema ou na pobreza, afirmou Bentes. “Há necessidades de curtíssimo prazo, por conta da pandemia e da letargia da economia, e as famílias vão ter que fazer frente a esses gastos com alimentação, com medicamentos, serviços do dia a dia, transportes”, indicou.

Do total de R$ 59 bilhões que deverão ir para o consumo imediato, a CNC estimou que pela estrutura de gastos do brasileiro, cerca de 47% são consumo no comércio e no setor de serviços. “A gente estima que R$ 28 bilhões devem chegar ao comércio”. Isso significa um impulso de 1% a 1,5% no faturamento anual do varejo nacional.

Bentes advertiu, entretanto, que isso não vai salvar as vendas do comércio em 2022. “Mas pode ajudar o comércio a ter um ano menos amargo no momento em que a expectativa para a economia, este ano, tem sido corrigida para baixo. A expectativa é que a economia cresça 0,3% este ano. Então, ajuda no sentido de disponibilizar um pouco mais de recursos para consumo, o que acaba aliviando um pouco mais o ano difícil que o comércio vai ter pela frente”.

 

Não adianta Robinho ser condenado a nove anos e ficar livre no Brasil

Por Nina Lemos, colunista, no Universa

“Estou rindo porque não estou nem aí.” A frase de Robinho, dita em uma das gravações de conversas entre ele e seus amigos após estuprarem uma mulher em uma boate na Itália, é um bom resumo de como muitos homens e, infelizmente, parte da sociedade brasileira tratam a violência contra as mulheres.

Abusar ou mesmo estuprar é algo visto como uma coisa normal, corriqueira. Algo que acontece e que pode ser justificado com expressões misóginas do estilo “essa mulher não presta” (como se eles, criminosos, prestassem) ou “ela provocou” (como se existisse no mundo alguém que pedisse para ser vítima de um crime terrível desses).

Em alguns lugares do mundo, a violência contra a mulher é menos banalizada. A justiça italiana, por exemplo, provou hoje que leva acusação de estupro a sério ao condenar Robinho e seu companheiro Ricardo Falco a nove anos de prisão. Se o jogador continuasse morando na Europa, ele seria preso nos próximos dias. Todos os recursos foram esgotados. Fim.

Segundo reportagem do UOL, os magistrados não ficaram contentes com o fato de a defesa de Robinho ter tentado culpar a vítima. Ou seja, a tese de que a mulher não presta não colou. Melhor assim.

Esta sentença devia ser a norma e poderia servir de inspiração para países como o Brasil.

Como o sistema judicial brasileiro pode mostrar que aprendeu a lição? Executando a sentença da justiça italiana e prendendo Robinho. Esse seria um recado de que o país se importa quando o assunto é violência contra a mulher.

Sim, isso pode acontecer. Ele não pode ser extraditado, mas, segundo juristas, o governo italiano pode pedir que a prisão seja cumprida no Brasil. Se a condenação for homologada pela Justiça brasileira, já que o crime também existe aqui, ele cumpre a pena. Mas esse processo pode levar anos.

Os advogados do jogador, apesar da sentença, continuam confiantes. Ainda segundo o UOL Esporte, eles acham que é “quase impossível que Robinho seja obrigado a cumprir a sentença no Brasil”.

A condenação italiana deverá, segundo os defensores, no máximo levar ao início de um novo processo no Brasil, onde as provas serão novamente objeto de contraditório e ampla defesa.

Que tal?

Infelizmente, eles não estão errados de pensar assim. É difícil que homens poderosos sejam presos por crimes contra a mulher. E, quando presos, eles dificilmente cumprem a pena completa.

Se isso se confirmar, será uma prova muito séria de como o Brasil, como o próprio Robinho, “não está nem aí” para crimes contra a mulher. Sejam elas brasileiras ou não.

Mesmo internacionalmente [o caso Robinho é notícia no mundo todo] não pega nada bem que um homem que praticou um crime desses fique livre, de boa e rico em sua terra natal.

Mas, claro, pegar mal é o de menos. O sério mesmo é pensar que um homem pode participar de um estupro coletivo e rir disso, certo de que passará impune.

Nós, mulheres, temos obrigação de pedir que a sentença contra Robinho se cumpra. Seria um passo importante para todas nós.

Jornalista Hilder Monção já tem partido para disputar mandato de deputado: é o Solidariedade

O jornalista Hilder Monção já definiu o partido pelo qual vai disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa do Piauí nas próximas eleições: trata-se do Solidariedade, presidido pelo deputado Evaldo Gomes.

Evaldo Gomes e Hilder Monção

Evaldo Gomes e Hilder Monção

“O entendimento venceu.  Nosso amigo Hilder vem para o nosso partido para concorrer a uma vaga na Assembleia Legislativa. Nossa chapa estadual está fechada”, afirmou Evaldo Gomes.

W.Dias pede à bancada do PT que sigla repense aceitar deputados de mandato

Franzé em reunião com governador Wellington Dias

Franzé em reunião com governador Wellington Dias

Por Sávia Barreto 

O governador Wellington Dias fez um pedido aos colegas de partido na reunião da bancada petista com ele na última segunda-feira. “O que me repassaram foi que o governador fez uma análise da conjuntura do cenário das formações de chapas proporcionais no ambiente das federações e pediu para o PT reavaliar a questão dos deputados de mandatos, considerando que em comparação a 2018, não teremos na disputa pra estadual a Flora Isabel e Francisco Costa, isso representa mais de 71 mil votos”, explicou o deputado Franzé à coluna.

Focar na proporcional 

Segundo Franzé, a decisão é de abrir a discussão interna no partido para o fechamento da estratégia da chapa proporcional estadual e federal: “Decisão que já ficou estabelecida no encontro do partido realizado no sábado. Diante da definição da chapa majoritária, o PR vai se debruçar na estratégia das chapas proporcionais”, frisou o deputado.

Dentro do PT, já forte resistência a filiar nomes de mandato, com potencial de votos acima de petistas históricos, pois eles teoricamente tomariam espaço dos filiados antigos da legenda.

UFPI não vai exigir passaporte da vacina na volta às atividades presenciais

Em reunião extraordinária realizada na manhã desta terça-feira (18), o Conselho Universitário (CONSUN) da Universidade Federal do Piauí aprovou o Protocolo Geral de Biossegurança para Retomada de Atividades Presenciais do semestre 2021.2, que inicia em 7 de fevereiro

O Protocolo Geral de Biossegurança auxiliará a melhor tomada de decisões para garantir que a retomada das atividades presenciais na UFPI, tanto para discentes, docentes, funcionários e demais colaboradores, seja feita de forma responsável e segura. Organizado pelo Comitê Gestor de Crise da UFPI (CGC), teve como base os documentos elaborados pela Universidade Federal do Delta do Parnaíba (UFDPar), Instituições Federais de Ensino do Estado de Goiás, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Instituições Federais de Ensino, seguindo as recomendações dos Ministérios da Educação e da Saúde.

Reunião do CONSUN aconteceu por vídeoconferência com transmissão pelo canal da UFPI no Youtube

A relatora, Profa. Carla Leite, explica que se trata de um plano geral e flexível, aberto a mudanças, o que permite a adequação ao cenário e às demandas que forem surgindo. Além disso, possibilita que as unidades tenham autonomia para redigirem um plano específico, mais detalhado e que atenda às suas necessidades, tendo liberdade de escolha da forma mais segura de realizarem as suas atividades.

O Plano contempla protocolos de atendimento ao público, organização das salas de aula, capacidade de ocupação, critérios de distribuição de equipamentos de proteção individual (EPI’s), organização dos laboratórios, cuidados com os banheiros, Restaurantes Universitários, dentre outros. Além disso, estabelece procedimentos diante de casos suspeitos e confirmados de covid-19. O Protocolo recomenda, ainda, que a realização das atividades presenciais seja para professores, técnicos e alunos imunizados contra a covid-19Para os não vacinados, sugere-se a apresentação do teste negativo de até 72h. “O Supremo Tribunal Federal ainda não definiu de forma coletiva a obrigatoriedade do passaporte de vacina, só a recomendação e o teste negativo de 72h”, destaca a relatora

Viriato Campelo, vice-reitor e presidente da sessão, ressaltou que o retorno das atividades de forma segura e gradual segue de acordo com as circunstâncias encontradas na Universidade, em constante análise e debate pelo CGC da UFPI.

A versão final do Protocolo de Biossegurança está sendo finalizada para estar o mais breve possível disponível no site da UFPI.

Exército quer gastar R$ 580 mil com kit manicure e estojo com taças de vinho

O Exército Brasileiro pretende gastar até R$ 580 mil na compra de brindes como “kit manicure” ou “estojo com taças de vinho”. 

O material será usado para presentear autoridades em visita ao comandante-geral, general Paulo Sérgio Nogueira. Foram encomendados 50 “kits maniture” composto por nove peças e estojo de couro sintético. Só nesse material, serão R$ 2,7 mil. Ainda na lista de brindes, estão 20 troféus estandarte a R$ 710 cada.(Tony Trindade-Lupa!)

Jornalista parnaibano Kenard Kruel pede ajuda para custear tratamento

O escritor, jornalista e historiador parnaibano,  Kenard Kruel, está internado no Hospital São Marcos em Teresina há mais de quinze dias. Segundo o próprio jornalista o tratamento é muito caro e ele não tem condições financeiras para custear as despesas.

Kenard, que tem um grande trabalho na imprensa e na cultura piauiense, coautor dos livros “Genu Moraes, a Mulher e o Tempo” e “Eurípedes de Aguiar, Escritos Insurgentes”, entre outros, é membro da Academia Parnaibana de Letras tendo sido presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Piauí.

Necessitando de ajuda, Kenard Kruel Fagundes colocou à disposição dos interessados um dispositivo para depósito de qualquer valor: Banco do Brasil, Agência 5605-7; conta corrente 4429-6, CPF: 130 755 433 49. PIX: 130 755 433 49.

Antes de ser internado estava morando no bairro São José, que ele define de “Ilha Kenardiana, em Tutoia, onde Deus faz a morada”, aonde tem dedicado a maior parte do seu tempo na produção de livros sobre a história, povo e seus costumes, as formações familiares e a base de sua economia.

117 vagas para o cargo de recenseador do IBGE estão disponíveis para Parnaíba

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), oferta vagas para os cargos de agente censitário municipal (ACM), agente censitário supervisor (ACS) e para recenseador. São mais de 3 mil oportunidades de emprego temporário. Os cidadãos parnaibanos e ilhagrandenses serão beneficiados – mas para concorrer é preciso estar atento ao edital e prazo de inscrição, que tem previsão de encerrar na próxima sexta-feira. “É importante a pessoa atentar para o fato que é até 16 horas, o prazo não é o dia todo, então até sexta-feira [21] vão estar abertas as inscrições para trabalhar no Censo Demográfico 2022. As pessoas interessadas, elas podem acessar o site do FGV [Fundação Getúlio Vargas] , o site é conhecimento.fgv.br/concursos, ela pode se dirigir a esse endereço e fazer sua inscrição”, explicou o coordenador censitário de subárea Clayton Vilar.

Ter pelo menos o ensino fundamental completo é um dos requisitos exigidos para o cargo de recenseador, para os demais cargos, o candidato deve ter concluído o ensino médio.

Além de contribuir com as tomadas de decisão das mais diversas áreas da sociedade através dos dados recolhidos, os candidatos selecionados para as vagas disponibilizadas pelo órgão poderão receber salários que podem chegar a R$ 2.100,00 – no caso dos recenseadores, o valor pago pode variar de acordo com a produção de cada um. (Lucas Zadoque)

COVID-19 EM PARNAÍBA: Em dois dias sobe de 31 para 84 o número de novos infectados

Um alerta preocupante chama atenção quanto ao contágio pela Covid-19 em Parnaíba. No último boletim epidemiológico publicado pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesa), datado do último sábado (15), haviam sido detectados 31 casos. Já no boletim desta segunda-feira (17), saltou para 84 o número de novos pacientes positivados para a Covid-19, um dado preocupante e que deve chamar a atenção da população para redobrar os cuidados quanto à doença.

No levantamento geral, até o momento Parnaíba possui 383 casos ativos, além de 7 sob suspeita. Os dados foram repassados à Sesa pelo ambulatório do Hospital Nossa Senhora de Fátima (HNSF), situado no Bairro Nova Parnaíba, que inclusive, diariamente tem registrado um grande número de pessoas em busca de atendimento. Lá também estão sendo recebidos pacientes com queixa de outras síndromes gripais, como a Influenza H3N2, que tem feito disparar a ida da população aos hospitais.

Vale ressaltar que o levantamento dos casos de Covid fornecidos pelo HNSF não inclui os testes realizados nas farmácias e laboratórios particulares da cidade, sendo assim, os números ainda devem ser maiores.

Prefeitura de Cajueiro da Praia diz que vai resolver conflitos de terra da região

Na manhã desta terça-feira (18), a Prefeitura de Cajueiro da Praia anunciou que resolverá os problemas relacionados a domínio das terras que o município enfrenta. A reunião contou com a presença do Prefeito da cidade, Felipe Ribeiro e da deputada estadual, Teresa Brito.

A reunião aconteceu na manhã desta terça-feira (18).

O encontro também contou com a presença do Superintende da Secretária do Patrimônio da União (SPU), Marcelo Barbosa de Morais e representantes do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (Icmbio). Foi acordado, na reunião, a resolução dos conflitos de terras e a garantia dos direitos dos pescadores da região de Cajueiro da Praia.

As autoridades lá presente conheceram de perto a situação que a população enfrenta. As cercas que fechavam o acesso as praias, e , contornavam vários terrenos foram retiradas e as pesqueiras, que foram derrubadas serão construídas novamente.

Entenda o caso

No início do ano a população de Cajueiro da Praia emitiu uma carta aberta pedindo socorro ao governador Wellington Dias e a Justiça do Piauí para combater uma suposta milícia armada que, de acordo com a declaração, está há 30 dias invadindo as terras dos moradores.

Na carta, é afirmado que a milícia é coordenada por “um casal de forasteiros“, sendo eles, “a falsa empresária Vivian Alencar e o médico Marcus Sabry”. No texto, é afirmado ainda que o casal invade as terras com diversos capangas encapuzados e policiais militares fortemente armados.(Eduardo Amorim-Lupa1)

Parnaíba inicia vacinação de crianças contra a Covid-19

Nesta terça-feira (18), crianças de 05 a 11 anos com comorbidades ou deficiência permanente, começaram a receber a primeira dose da vacina pediátrica da Pfizer. A primeira criança a receber o imunizante foi o pequeno R. N.S. de 09 anos, que tem paralisia cerebral. A vacina foi aplicada por profissionais da Unidade Básica de Saúde Dr. Dib Tajra, no Bairro São Francisco, em Parnaíba.

O sistema de vacinação para crianças está funcionando com agendamentos que devem ser feitos por pais ou responsáveis nas próprias Unidade Básicas de Saúde.

A vacinação para este público infantil será realizada com o imunizante da Pfizer, único até o momento, autorizado para aplicação em crianças pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O intervalo entre a primeira e segunda dose é 08 semanas, e para vacinar crianças, é necessário que pais ou responsáveis além de agendar a dose, as acompanhem até o local de aplicação.(Romualdo Neves)

Foto cedida pelo Setor de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde de Parnaíba, autorizada pelos responsáveis pela criança.

Covid mata seis pessoas no Piauí em 24 horas; duas tinham menos de 51 anos

Foram registrados, no Piauí, 235 casos confirmados e seis óbitos por Covid-19, nas últimas 24 horas, segundo dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde, desta terça-feira (18/01).

Dos 235 casos confirmados, 137 são mulheres e 98 são homens com idades que variam de 05 a 87 anos. 

Três homens e três mulheres foram vítimas da Covid-19. Eles eram de Campo Largo (81 anos), Teresina (51 anos) e Uruçuí (43 anos ). Elas eram de Aroazes (76 anos), Caxingó (78 anos) e São Raimundo Nonato (94 anos).

Os casos confirmados no estado somam 336.925 em todos os municípios piauienses. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam 7.329 casos e foram registrados em 224 municípios.

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, 289 estão ocupados, sendo 177 leitos clínicos, 94 UTI’s e 18 leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 24.503 até o dia 18 de janeiro de 2022.

A Sesapi estima que 329.307  pessoas  já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento (casos registradas nos últimos 14 dias) que não necessitaram de internação ou evoluíram para morte.

Franzé Silva ressalta a necessidade da exigência do comprovante de vacinação

Autor do Projeto de Lei Nº 192/2021 – que determina obrigatoriedade de apresentação do comprovante de vacinação para entrada em estabelecimentos em todo o Piauí –, o deputado estadual Franzé Silva (PT) comemorou o dado da pesquisa Datafolha, divulgado nessa segunda-feira (17/01), apontando que 81% dos brasileiros são a favor de exigência do passaporte vacinal contra Covid-19 para permitir entrada de pessoas em locais fechados, como escritórios, bares, restaurantes e casas de show.

O levantamento demonstra, portanto, que – ao contrário do que defende o presidente Jair Bolsonaro, que é contra o passaporte vacinal, além de ter, durante a crise sanitária, feito declarações antivacina – que a maioria da população do Brasil percebe que há um descontrole da pandemia, com o avanço da variante ômicron. Dos entrevistados, apenas 18% são contra a exigência e 1% não soube responder. A pesquisa foi realizada por telefone, nos últimos dias 12 e 13 de janeiro, com 2.023 pessoas de 16 anos ou mais, em todos os estados.

Na visão do deputado Franzé, o resultado da pesquisa Datafolha demonstra que os brasileiros estão conscientes sobre a necessidade da vacina e de medidas conjuntas entre governos, instituições e população para reduzir o avanço do vírus. “O Brasil tem uma história exemplar na produção de vacinas e campanhas de vacinação. Bolsonaro, com seu negacionismo e irresponsabilidade política e cívica, tenta destruir o que construímos, mas o povo tem dado a resposta contrária ao que ele prega”, observa.

No Piauí, o Governo do Estado já exige, desde dezembro do ano passado – por força do Decreto Nº 20.290, de 28 de novembro de 2021 –, a apresentação de passaporte sanitário para entrada em eventos, academias e clubes. Também há exigência de comprovação para ingresso em locais públicos vinculados à administração estadual. “O direito coletivo à saúde prevalece sobre o direito individual. A postura negacionista dos que são contra a vacina e as medidas de proteção e proliferam desinformação deve ser combatida”, pontua Franzé.
 Fonte: Alepi