Governo vai liberar R$ 1 milhão para auxílio a desabrigados em Teresina

O secretário estadual de Assistência Social, José Santana (MDB), informou que o governo estadual vai liberar R$ 1 milhão para Teresina por meio pagamento de cofinanciamento entre município e estado, sejam parcelas vencidas ou antecipação daquelas previstas para este ano. O anúncio foi feito na manhã desta sexta-feira (07), durante a visita do governador Wellington Dias (PT) e do prefeito Doutor Pessoa (MDB) às áreas alagadas na zona Norte da capital.  De acordo com o secretário, os recursos devem ser liberados ainda no mês de janeiro, até o dia 21. 

“O benefício eventual fica a cargo do município e já existe algo preestabelecidos que é cesta básica, colchão, é uma assistência em valor diretamente a família, é um benefício para eventualidade, para qualquer tipo de assistência que precise ser feita de uma forma menos burocrática”, informou. 

Assim o benefício poderá ser utilizado nas ações que forem determinadas pela Prefeitura de Teresina. Ainda nesta sexta (07), José Santana terá uma reunião com o secretário municipal de Assistência Social, Allan Cavalcante, para definir as medidas.

Para os demais municípios atingidos por chuvas, como Uruçuí e Floriano, o secretário frisou que o governo do estado se comprometerá a pagar, religiosamente, as parcelas de cofinanciamento vencidas e as previstas para esse ano, ao longo dos próximos 12 meses.

Ao final da agenda, que ocorreu no bairro Mafrense, o governador ressaltou as ações de apoio que foram definidas e pediu a integração com o governo federal para que, posteriormente, sejam realizadas as reconstruções dos locais destruídos pelas enchentes. 

“O mecanismo encontrado é um fundo a fundo e estamos trabalhando para que até a próxima semana já possamos ter o primeiro repasse tanto para Teresina quanto para outras cidades […] Tem outra parte que depende de projetos de engenharia e demora um pouco mais, temos que reconstruir casas, fazer dique, drenagem e asfalto e nessa parte precisamos da integração com o governo federal”, declarou. 

Já o prefeito Dr. Pessoa destacou que colocou a equipe em ação para agilizar a documentação necessária para que os recursos sejam disponibilizados para o município. 

“João Henrique saiu para aperfeiçoar a documentação para enviar para o governador. Neste momento, estávamos vendo apenas a vulnerabilidade das pessoas, mas vamos agir com rapidez”, frisou.(Paula Sampaio)

Deixe uma resposta