Jovem é assassinada com vários tiros em Parnaíba; 9° homicídio em 8 dias

Uma jovem, identificada apenas como Natália, foi assassinada a tiros na manhã sexta-feira (17) no bairro Ilha Grande de Santa Isabel, no município de Parnaíba, no litoral do Piauí. Esse já é o 9° homicídio registrado na cidade em um intervalo de 8 dias. 

Jovem é assassinada com vários tiros em Parnaíba; 9° homicídio em 8 dias (Foto: Divulgação/ PM)

Jovem é assassinada com vários tiros em Parnaíba; 9° homicídio em 8 dias (Foto: Divulgação/ PM)

A informação do óbito foi confirmada ao Meionorte.com pela Capitã Ruthinea, do 2º Batalhão de Polícia Militar de Parnaíba. De acordo com as primeiras informações, a jovem foi morta com pelo menos cinco tiros. Não há informações até o momento sobre a possível dinâmica e os autores do crime. Uma motocicleta foi encontrada ao lado do corpo da vítima. A Polícia Militar, através do 2° Batalhão de Parnaíba, isolou a área e acionou a Perícia Criminal. 

Equipes do Rone da cidade já iniciaram diligências na região. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado e removeu o corpo da jovem. A Delegacia de Combate a Homicídios, Tráfico de Drogas e Latrocínio (DHTL) de Parnaíba vai investigar o caso.

Suspeito de ordenar diversos homicídios no litoral do Piauí é preso durante operação

Força Tarefa de Segurança Pública do Piauí realizou na manhã desta quinta-feira (16), a prisão de um foragido do sistema criminal identificado apenas pelas iniciais A.L.F.S, na cidade de Cocal dos Alves, no Norte do Piauí. O preso é investigado por tráfico de drogas atribuído a facção criminosa atuante no litoral piauiense, inclusive suspeito de ordenar diversos homicídios neste ano. 

Material apreendido com o suspeito durante a operação (Foto: Divulgação)

Material apreendido com o suspeito durante a operação (Foto: Divulgação)

Diligências realizadas indicaram que o criminoso estava usando nomes falsos, revezando seu esconderijo entre imóveis da zona urbana e rural, de onde continuava suas condutas criminosas. Na ocasião, além da prisão, foram apreendidas três armas de fogo, munição e dois veículos utilizados pelos criminosos.

Aproximadamente 40 policiais integrantes das Polícias Federal, Civil, Militar, Rodoviária Federal e Penal, com apoio de policiais da Força Estadual Integrada de Segurança Pública, atuaram no cumprimento das ordens expedidas pelo Juiz da comarca de Cocal e correlatos mandados de prisão expedidos pelos juízos criminais por onde tramitam as ações penais em desfavor de A.L.F.S.(MN)

Deixe uma resposta